terça-feira, 20 de janeiro de 2015

A/C Estrutura Directiva do Futebol Clube do Porto


Exmos, srs. da Estrutura Directiva do Futebol Clube do Porto,

O meu nome é Jorge Vassalo, tenho 36 anos. Sou adepto há cerca de 30. Associado desde Junho, a cumprir um sonho antigo. Este ano, felizmente, tenho podido ver a maioria dos nossos jogos in loco no Dragão. Tenho muito orgulho na equipa por Vós montada, no treinador escolhido pelo Nosso Grande Presidente, e por todos os jogadores da nossa equipa, que apoio incondicionalmente. Tenho algumas objecções pontuais, que construtivamente critico. Mas estou com o Nosso Grande Clube de uma forma completa, total e absoluta. Felizmente, nestes últimos meses, vejo que não estou sozinho nesta demanda. Tenho tido a felicidade de conhecer muitos Portistas de Alma e Coração, que abdicam do seu tempo pessoal e familiar para estar com a Equipa, apoiar e incentivar contra os nossos adversários.

Gostaria de relevar que deve ser para eles, para nós, que o Futebol Clube do Porto deve trabalhar. Somos nós que Vos alimentamos, assim como as Vossas vitórias e conquistas nos alimentam. E estamos, nós, adeptos, muito orgulhosos por isso. No meio desses muitos Portistas que conheci, tive a felicidade da amizade de três dos melhores. Eles deram-me o "bichinho" da bluegosfera. Decidi eu, por pura carolice e Amor Azul e Branco, fazer este meu blog, ao qual tive uma resposta muito maior e melhor daquela que esperava. E isso demonstra o quanto há Amor Azul e Branco na massa adepta à Vossa volta.

Escrevo-vos esta carta aberta porque estou agastado com o Vosso silêncio. No meu entender, a Nossa Grande Equipa está neste momento a praticar um futebol magnífico, sólido, em verdadeira equipa, com Raça, Querer e Atitude. E isso é reconhecido pela generalidade dos adeptos e associados. Não me passaria nunca pela cabeça ser crítico do Nosso Grande Presidente, de quem admiro ainda, do alto dos seus 77 anos e de ter conquistado tudo o que seria conquistável nesta belíssima modalidade, a ambição de ainda querer mais. A ele devemos tudo, por ele daremos tudo também. Jorge Nuno de Lima Pinto da Costa é, para mim, absolutamente inatacável. Merece, há muitos anos, fazer o que lhe apetecer. Falar, não falar, decidir, não decidir, ver treinos, não ver. Cada uma das suas acções é por nós admirada, nenhuma lhe exigimos.

Estamos, no entanto, agastados. Sinto-me, pessoalmente, agastado com o Vosso silêncio. Queiram desculpar-me, não vejo que mais possam fazer os jogadores, se estão a jogar um campeonato viciado, condicionado, e de vencedor atribuído. Espanta-me que Vós não tenhais a mesma Força, Luta e Garra que a Vossa Grande Equipa na defesa da mesma, em denunciar estes abusos e estes condicionamentos disciplinares, entre outros. Se estais a ser ultrapassados ilegalmente, reagi! Estaremos convosco nos protestos por vós encabeçados! Desculpai-me a franqueza, mas se sois capazes de emitir comunicados - com toda a razão - sobre prémios históricos, porque não reagis no vosso momento contemporâneo? Ainda hoje, mais uma vergonha de uma nomeação arbitral, sem a Vossa reacção contundente, à qual me habituei a ver nos anos 80/90.

Sabemos do Vosso esforço por fazer de nós uma equipa Europeia, aposta claramente ganha, e por mim neste blogue sublinhado. Mas a parte interna é fundamental. Por favor compreendei que a Vossa não-reacção aparente, o Vosso não contacto, nos deixa órfãos de sentido. Sem rumo e sem entendimento não teremos senão confusão e desânimo nas bancadas. Esperamos e rogamos a Vossa forte e contundente reacção para nós encher a Alma e saber que Lutamos juntos.

Estou e sei que a maioria está connosco, CONVOSCO ATÉ AO FIM, VÓS SOIS O NOSSO AMOR.

Com a Chama do Dragão,

Vosso,

Jorge Vassalo

34 comentários:

  1. @ Jorge

    apoiado.

    mais uma carta aberta a merecer mail para quem de direito. ;-)

    tu dá-lhe, moço! estou a gostar ;-)

    ps:
    'obrigado!' pela referência. fiquei sem palavras.

    abr@ço
    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar
  2. @ Jorge

    tens o 'faceboKas' do Clube.
    pede amizade ao Rui Cerqueira.
    e no sítio do Clube tens os contactos oficiais. alguns deles já não recebem mensagens.

    abr@ço
    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar
  3. Caro Jorge,

    Também me sinto agastado com o silêncio da nossa estrutura e por termos um canal televisivo que, salvo Bernardino Barros, de Porto só tem o nome. Não foi com esta apatia que nos afirmamos. As nomeações para o
    Marítimo e para o Paços são mesmo a gozar com a nossa cara mas, ainda mais me enerva a
    passividade dos nossos dirigentes, perante tamanha pouca-vergonha.

    Parabéns pelo seu blogue.

    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo seu comentário. O senhor Bernardino Barros é, sem dúvida, uma inspiração.

      Abraço.

      Eliminar
  4. Gosto de vir a este blogue, muito "wishful thinking", muita nostalgia, muita fantasia tipo, "...neste momento a praticar um futebol magnífico, sólido, em verdadeira equipa, com Raça, Querer e Atitude". Acha mesmo? Está mesmo convencido disso? Acredite que não é o mesmo futebol que eu tenho visto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho. Eu não sei qual é o futebol que tem visto, mas este é o que eu - curiosamente quem assina os posts - vejo.

      Eliminar
    2. Acha o futebol atractivo, sólido com raça querer e atitude e que Lopetegui aprendeu com os erros desde o jogo com o Sporting. Vou como sempre ao Estádio e na verdade não tenho visto nada disso. Passado mais de um mês da brincadeira com o Sporting ainda fizemos pior com o Benfica, pelo que não vejo como Lopetegui tenha aprendido com os erros cometidos. Pior do isso ainda foram os jogos que ganhamos com o Setúbal e com o Belenenses, em que não houve raça, não houve atitude, nem sequer respeito pelo associados e simpatizantes.

      Eliminar
    3. Se é isso que tem visto, agora percebo porque gosta tanto de Tello, Adrian, Ricardo, Evandro

      Eliminar
    4. A respeito do benfas, já falei na análise ao jogo o que queria falar. A respeito do zbordem, quero lembrar ao amigo que ganhamos convincente em San Mamés na quarta feira seguinte. Em relação a esses dois encontros, concordo em absoluto, sendo que é melhor parar aos 3-0 do que ao 1-0 como muitas vezes acontecer com Mourinho, AVB, Jesualdo e Vítor Pereira.

      Eliminar
    5. Sim, gosto. Em especial do Ricardo e do Evandro.

      Eliminar
  5. Espero que o nosso clube não ande a nanar...
    Entretanto Mais um da Formação vendido... Formação para vender...
    Espero ver na próxima época, o meu clube a apostar nos putos...
    Lá em baixo, a formação é para emprestar e vender...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olhe que não, Paulo. Do mercado de inverno ainda só vi um contratado, e é dos nossos. O Ivo não saiu, ainda não vi o Gonçalo sair, e o Ricardo está, como o Rúben, a ser preparado por Lopetegui... não confunda os que ele foi buscar para ser a base com quem ele vem potenciar,

      A formação tem que ser trabalhada com critério para não ser queimada!

      Abraço e obrigado pelo seu comentário.

      Eliminar
    2. Caro Paulo, qual foi o jogador da formação que foi vendido?

      Abraço

      André Guimarães

      Eliminar
  6. Brilhante!

    Honrado pela referência ao meu tasquinho :)

    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Abraço do teu tamanho - epá não resisto, desculpa.

      Eliminar
  7. Não é com bilhetes ou recados que esta apatia generalizada vai para o galheiro. É no estádio, sendo exigentes com as equipas de arbitragem, com a equipa adversária, com a nossa equipa e com o nosso treinador. Foi assim ao longo dos anos e foi assim que vencemos o que ninguém imaginava. Agora vão ao estádio os cordeiros que só fazem o que lhes mandam fazer, os croqueteiros que andam pelos camarotes com os convites ao pescoço e a mostrarem as suas secretárias mais arrojadas, os pipoqueiros com os seus principezinhos e princezinhas na bancada, os Lopetegueiros e Jesualdistas que abanam a cabeça e aplaudem todos os pulos do treinador, os exigentes que se manifestam e assobiam quando o futebol é uma treta e as claques que honra lhes seja feita vão para todo o lado com a equipa mas estão hipotecados a outros interesses e não podem fazer o que já teriam vontade de fazer. Mas era lá que todos juntos deviam manifestar o seu desagrado pela vergonha e humilhações que constantemente nos fazem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que não! É com assobios e insultos constantes aos nossos!Isso é que é exigência! E o futebol chapa 3-4-5 onde todos são importantes é uma treta.

      Muito bem, apresente o seu modelo alternativo.

      Obrigado.

      Eliminar
    2. Qualquer jogador, treinador, adjunto, treinador de GR, observador dos adversários, médico, roupeiro em suma tudo o que faz parte da estrutura, que represente o F. C. Porto, tem que saber que a palavra derrota neste clube não existe. Ainda é novo e só agora vai ouvindo antigos atletas. Se estiver atento, sabe que eles dizem que nos poucos resultados negativos que tiveram, não conseguiam olhar os associados nos olhos e passavam dias, até ao jogo seguinte que nem apetite tinham para comer. A alternativa é essa, gente que saiba representar o F. C. do Porto.

      Eliminar
    3. No dia em que me ouvir dizer que "a derrota é natural" ou aceitável, pode denunciar o meu Portismo. Ainda não engoli a festa da claque Juve Leo na nossa casa - com o silêncio de todo o estádio, tão lesto a assobiar a própria equipa, ein! - e nem o Bom Natal que eu quero retribuir com Boas Férias. Aliás, uma vez mais, silêncio ensurdecedor! Eu respondi! Alto e bom som!

      Eliminar
    4. Caro Jorge, se nos pusermos a jeito, temos mesmo que engolir o Bom Natal e as Boas Festas. Sabe porquê? Porque há décadas que somos nós que vamos lá e os brindamos com bons cabazes. Viu o silêncio de todo o estádio e os jogadores a abraçarem-se e a mandarem beijinhos para as famílias. Gajos porreiros e sociáveis. Depois de acabar não há xuz nem muz, reclamar é quando há hipótese (durante) de reverter aquilo que está à frente dos olhos e isso é o que você não gosta porque indispõe o treinador e as vedetas podem ficar melindradas.

      Eliminar
  8. Caro Jorge
    Estou 100% de acordo com o seu artigo.O Nosso Grande Presidente é inatacável,mas já é demais o silêncio e passividade da estrutura do NGClube FCPORTO.
    Contem comigo para mais uma cruzada contra os clubes,pasquins e comedores de palha do regime vermelhusca e verdusca.
    Abraço
    RUIFCPESPAÇOK

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos juntos somos mais fortes.

      Abraço e obrigado pelo seu comentário.

      Eliminar
  9. Meu caro, estou contigo, estamos todos, mas já notaste que aparecem alguns valentões a pedir exigência no estádio, no entanto nem um perfil para deixar de ser anónimos conseguem criar?
    Mas não acredito que este silêncio dure muito mais tempo. Não pode, até pelas nomeações da próxima jornada.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim espero, caro Vila Pouca, porque se não agirmos a tempo pode ser irreversível.

      Abraço

      Eliminar
    2. O silêncio já dura há três épocas e olhe o resultado. Não se podia exigir mais ao Vitor, não se podia exigir mais ao Paulo porque era chefe de familia e com argumentos muito repetitivos que de tantas vezes repetidos passaram a ser verdades!!!! Não tinham ovos para fazerem omoletes!!!! Com Falcão, James, Hulk, Iturbe, Quintero, Lucho, Otamendi, Mangala, Fernando, Moutinho, Quaresma..... não tinham ovos??!!! e depois os culpados são os árbitros.

      Eliminar
    3. Podia-se e devia-se exigir muito mais a VP. E ao Fonseca então...sabe porquê? Porque tinham equipas formadas, experientes! Então a implosão que o último causou é qualquer coisa de absurdo. Os nomes que muito bem fala são, em qualidade e experiência, muito melhores do que os que temos, na maioria, actualmente. E Capitão - Comandante - que PF teimou em contrariar até o levar à porta de saída. Lopetegui ainda só edificou - não o vi destruir coisa nenhuma.

      Eliminar
  10. Caro Jorge,

    Uma carta aberta pertinente, sem dúvida, que gosto e subscrevo. Mas, caro Jorge, acredita mesmo que terá eco no destinatário???!!!

    Um abraço e...

    FC PORTO SEMPRE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro amigo,

      Não tenho o ego inflacionado ao ponto de achar que este post mude alguma coisa. Mas junto com os apelos da comunidade bluegosferica, claro. Acho que a minha é mais uma voz que pode ser audível junto com a dos outros bloggers que se têm manifestado.

      Abraço

      Eliminar
  11. Espero que o nosso FC PORTO não tenha adquirido o sindroma do"silêncio dos inocentes"....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nao sera bem o silencio dos inocentes, mas sera mais o silencio dos desinteressados!
      O nosso Jorge Nuno já devia era estar a desfrutar da sua vida em paz e sossego em vez de aturar guerras com as quais ja não parece muito interessado em travar!
      È um grande homem que fez muito pelo nosso FCP mas nos adeptos estamos a sentir a falta de um grito de guerra por parte de alguém que admiramos e respeitamos muito!

      Eliminar
    2. Poderia ser, DragaoMinho, já outra pessoa com garra e atitude. Porque tem de ser sempre o mesmo?

      Eliminar
  12. Concordo, amigo Jorge Vassalo, a revolta do Pedro Marques Lopes e do Bernardino Barros parece que não são suficientes! então estas convocatórias dos árbitros para a próxima jornada é a gota de água que transbordou o copo. Cumprimentos:

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cada um de nós a fazer a sua parte - por pequena que seja.

      Abraço

      Eliminar