domingo, 13 de agosto de 2017

Vitória Suada Num Jogo Nervoso, com mais VAR(iáveis)


Sim, é verdade, nem sempre vamos jogar bem. E vamos ter muuitas vezes, do outro lado, equipas que vão fazer os jogos da vida delas contra nós enquanto que, contra outros, vão tirar o pezinho e descer a velocidade.

Mas honra seja feita ao Tondela, fez bem o seu jogo. Acabamos com o credo na boca - é um facto. Acabamos a contar com a sabedoria e a experiência de Iker Casillas para nos segurar. Teve um erro que poderia ter dado golo mas depois compensou com uma monumental defesa e a calma que só a tarimba pode dar.

Estou com Sérgio Conceição, estou curioso para ver até onde vai o Tondela. É que este Tondela pode acabar nos dez primeiros! Agora, não será sempre este, verdade?

Apesar disso, um bom jogo de Corona  - sempre entregue e lutador - e de Alex Telles. Há muito trabalho a fazer a lutar contra a ansiedade. E a ansiedade provocada por quem? Pelo vídeo-padre.

Pois é, meus amigos. Fábio Veríssimo veio vestido a rigor e trouxe a cartilha no bolso. Nem penaltis nem faltas perto da área. Do outro lado, é uma alegria.

Tivemos 2 livres contra 7. Está explicado? Pois! É que um árbitro a proteger adversários dá-lhes sempre um extra de moral! 

Contra tudo e contra todos. Para a história contam-se três pontos ganhos na marra. Mourinho e Villas-Boas tiveram jogos assim. Em frente que atrás vem gente. 

36 comentários:

  1. Eu sou de Cabo Verde,sou portista de alma e coracao,para mim mais importante resultado do que exibicao.Porra nao ha um portista em Portugal com coragem para quebrar 15 dentes a estes arbitros filhos da puta?isto so com conversa nao muda,isto so vai mudar quando sentirem medo e panico,no dia em que um padre for parar no hospital vao comecar a errar medo contra nos.os tres pontos ja ca cantam,quero ver o tondela contra o benfica,se vao fazer o jogo da vida deles como o de hoje ou vao baixar as calcas.#somos porto#

    ResponderEliminar
  2. Quero destacar a nossa capacidade de sofrimento da nossa equipa para ter sempre uma mentalidade positiva de saber manter a vantagem e mesmo assim ter alguns lances em que se podia marcar golo. Com outros treinadores nem queria imaginar com quantos pontos sairíamos deste jogo.
    E falando em treinadores destacar o rei do circo que é o pepa..., ou devo dizer peta.

    De Sérgio Conceição só tenho a retirar esta frase, que é mais que suficiente para percebemos o estado de espírito esta época:"Se houver multa, eu pago"

    A corrigir: lances de bola parada.

    Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A ver os passes, a finalização, a decisão na área...

      Enfim...

      Abraço

      Eliminar
  3. Olá Jorge! Foi de facto um jogo ganho na marra. Não estava nada à espera de neste jogo estar a fazer uma manicure por intermédio dental a partir dos 60 min. Esta equipa é de uma entrega total e sai de campo com o depósito vazio! Assim, sim! Somos carraças! O que tem de ser melhorado o mais depressa possível são os níveis de eficácia do último passe e finalização! Não podemos falhar tanto, especialmente num campeonato onde o principal rival mostra que só precisa de meia oportunidade para se adiantar no marcador.

    Embora a equipa tenha optado por fazer incidir os ataques por intermédio dos alas, creio que podemos e devemos ter mais qualidade ofensiva no miolo, e aqui tenho de falar de Oliver. Mais uma vez, num jogo fora, Oliver apaga-se. Já não sei que pensar desta intermitência. O que sei é que mais uma vez os desequilíbrios feitos pelo miolo, a jogar fora, são quase nulos. Uma equipa que lute para ser campeã não pode ter semelhante lacuna. Não pode! Começo a pensar que pura e simplesmente Oliver nunca será mais do que aquilo que já é, e se assim for, é pouco para ser titular. Lamento, gosto do jogador, deve ser um puto 5 estrelas, mas não chega. Temos de ter um "maestro" na verdadeira dimensão da palavra. O Porto tem de ser "mandão" na esmagadora maioria dos jogos e não se pode dar ao luxo de ter um "maestro" que só aparece em casa. Lembro que os nossos rivais na mesma posição têm Pizzi e Adrien. Não é preciso dizer mais nada, pois não?! Oliver tem de dar mais, e se não der, então Conceição tem é de se preocupar em potenciar Octávio.

    Não gosto de crucificar jogadores, mas se queremos ser campeões não o seremos com "este" Oliver. Se o Porto mudou a dinâmica, algo que se vê de facto, então precisa de ter qualidade nesta posição-chave para a sustentar.

    Temos um senhor guarda-redes. Temos nesta altura, talvez o melhor quarteto defensivo do campeonato. Temos o Danilo que corre a passos largos para ser o melhor trinco português. Brahimi e Corona mostram que são desconcertantes, um absoluto perigo para as defesas e temos 3 "autênticos" bombardeiros bichos como atacantes. O que falta mesmo? O miolo, Oliver. Como Conceição ainda à uns dias já dizia sobre o mesmo- "tem de se assumir".

    Esperar que Oliver chegue aos patamares de Deco, Lucho ou Moutinho... Será pedir muito????

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não posso estar em maior desacordo contigo. O que Óliver não tem culpa é que as bolas teleguiadas dele dêem em escorregadelas, fintas, faltas duras e penáltis mal marcados. Quantas e quantas vezes fez Óliver passes a rasgar que foram para lado nenhum porque não houve seguimento do avançado e extremo?

      Aliás, a prova é que, como sempre, quando sai... acaba o jogo. Ninguém mais pensa, ninguém mais varia, ninguém mais cria. Só não o destaquei - e é sempre injusto que não o faça - porque não houve jogadas consequentes para isso.

      Mas houve muitos passes para Brahimi e Corona, muitos passes para o Abou e o Marega, e no golo, lá estava a Óliver a subir à linha EXACTAMENTE como quando fez no passe soberbo para o golo do Marega na quarta feira passada.

      Sérgio tirou-o por causa do cacete. Mas pôs o Herrera. E depois ainda pior - pôs o André André.

      A unica coisa que falta ao Óli é remate. Ah, e Soares, porque se tens um meio campo a 2 e um dos avançados não baixa um bocado para vir buscar a bola ou o extremo vem dar apoio - ontem Brahimi, esse sim, voltou a querer passar tudo e a mãe dele, como Galeno na mesma manhã - lá se vai.

      Lucho e Óli tem o mesmo passe açucarado. Moutinho tem experiência, mas também se "apaga" quando leva cacetada de meia noite.

      Sim, porque tentaram tirar muiiitas vezes a bola ao Óli, que até levou um estouro que se ouviu na transmissão. Óli não é um jogador de rugby, não. E o Danilo ainda não está bem lá para o apoio, preocupado que estava em segurar as abelhas tondelenses.

      A sério, revê o jogo. Óli não chegou ao último terço porque... não dava. Tinha sempre 2, 3 com ele. E a bola chegava depois, pelo ar, terra e mar, a quem devia. E a seguir? Desequilíbrio? No Batalha!

      Abraço

      Eliminar
  4. pois.... os mesmos erros das epocas passadas continuam ate porque os jogadores sao os mesmos, a diferença?? a vontade e a garra e mais jogadores dentro da area mas isso nao vai chegar. Filipe anda nervoso e esta a fazer muita asneira, oliver com pressao e marcaçao quase desaparece e aguenta so 50 mimutos, precisamos claramente de 2 a 3 jogadores rapidos, fortes fisicamente, tecnicamente razoaveis e intensos para o meio campo, a equipa ou alguns jogadores rebentaram quase, uma equipa como o porto nao pode ter layun por exemplo, o treinador esta nos a dizer que sergio, teixeira , hernani, nao servem, que maxi tem de gerir a epoca se ficar, agora com andre2, herrera, layun nao vamos a muito lado concerteza porque lhes falta intensidade. QUANTO AO VA FICOU UM PENALTI POR MARCAR SOBRE MAREGA ( houve faltas parecidas ao contrari que foram sansionadas e ate deram amarelos ), O golo foi clarissimo mas a cautela o verissimo foi ao VA, portanto em dois jogos o porto ja tem razoes de queixa do arbitro e do VA desta vez a equipa superou isso mas temos de denunciar.

    ResponderEliminar
  5. nao percebi a nao entrada de otavio, aboubakar o melhor em campo

    ResponderEliminar
  6. Boas amigos portistas, na minha modesta opinião o Oliver só não foi o homem do jogo porque fartou-se de levar porrada, pois é se virmos vem foi constantemente agarrado, puxado e tudo isto á frente do árbitro mas como vestia de azul e branco passou em claro. Mesmo assim fez um bom jogo é como alguém disse acima prova disso é que quando saiu, levou o jogo do Porto com ele. André André e Herrera juntos não funciona, nao é de agora...
    Para mim o grande problema do Porto neste momento são os extremos pois parece-me que nesta táctica deveriam ajudar muito mais no meio campo e ontem isso não aconteceu e parece-me que corana anda a jogar a meio gás...
    Pelo menos um extremo tipo hulk para por estes em sentido deviria vir mas quem não tem cão tem de caçar com gato.
    Jogos como este vamos ter muitos e seria importante os avançados baixarem mais para a fase de construção ou pelo menos um deles tipo como faz o xonas no benfica,
    3 pontos importantes e uma equipa solidária e batalhadora foram o melhor da noite. Longo caminho a percorrer mas vamos acreditar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até parece que Lucho Moutinho e Deco não tiveram noites destas...

      Abraço.

      Eliminar
  7. sao jogos como estes em que os video padres teem a cartilha para nos F, perdao, lixar, em que se perdem efectivamente campeonatos.
    3 pontos suadinhos contra um padre de batina de cor em sangue vivo.

    apesar de tudo, convem fazer uma analise para dentro e infelizmente constatar que o plantel e' curto, mas que vai ter de servir pq nao ha dinheiro e rezar para que nao saia ninguem... herrera herrera.... tira a paciencia a um chines
    manu365

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o André André também esteve espectacular!...

      Abraço

      Eliminar
  8. Ok, vamos lá a meter essas cabecinhas no sítio.

    Foi um daqueles jogos. Daqueles de estrela de campeão. Todas as equipas candidatas ao título, numa competição de regularidade, têm maus jogos. Adversários inesperadamente competitivos, campos inclinados, má noite para os nossos, lesões, acertos tácticos de início de época - tudo escolhos no caminho para o título. O campeão é aquele que cumpre sempre. E cumprir é uma e só uma coisa: - 3 pontos. Sobretudo quando a exibição é fraca. Jogámos mal e vencemos; mais 3 pontos e cumprimos. Para a próxima, jogaremos melhor. É também importante que os jogadores se habituem a encarar as vitórias com naturalidade (a tal cultura de vencer) e se concentrem em trabalhar cada vez melhor. Ansiedade é a nossa pior inimiga neste momento.

    Sobre Óliver - de quem estou longe de ser um fã deslumbrado - não estou de acordo com as críticas. Levou muita porrada. Muita mesmo. Danilo sozinho não chega para tanta necessidade de protecção. E aqui estará o nosso tendão de Aquiles, num campeonato que sabemos estar inquinado. Dada a nossa opção táctica de fazer pressão alta logo na primeira fase de construção, o miolo fica muito desprotegido. Este handicap pode ser resolvido de 3 formas, ou alguma combinação entre elas:

    1) Um dos centrais joga mais próximo de Danilo, dobrando-o em caso de necessidade. Isso libertaria Danilo da enorme carga de trabalhos que pesa sobre ele;
    2) A arbitragem muda e passa a não ser tão permissiva com a porrada sobre o nosso playmaker;
    3) O nosso sistema muda. Temos 2 gajos no miolo. Dois. Um deles mal defende. Estamos a jogar sem 8, uma vez que Óliver foi inteligentemente libertado para um 10 puro. Entendo a ideia de Sérgio Conceição, que não vê no plantel nenhum box-to-box de excelente qualidade para jogar em 4-3-3. E muito provavelmente foi-lhe dito que não pode contar com uma contratação. E aqui está nó górdio. Meter Herrera e jogar só com 1 avançado? Mais gente no meio campo, mas com um 8 lento e má qualidade de passe. Manter o sistema actual? Mais pressão sobre o adversário, mas notória fragilidade defensiva no miolo e dificuldades no controlo da profundidade pelos centrais.

    Eu aposto na evolução do actual sistema tácticoo, com Óliver melhor defensivamente e centrais mais solidários (ainda mais). No fim, saíremos vencedores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se um jogador não pode dar dois passos sem levar cacetada, como é que é suposto jogar bem? Óliver não é McGregor ou um All Black, NEM TEM DE SER.

      De resto, é sempre o mesmo. Sai Óliver e o jogo cai a pique. E isso só pode querer dizer uma coisa.

      Abraço

      Eliminar
    2. Neste caso, não foi apenas a saída de Óliver, mas também o cariz das substituições. Fazer entrar André André e Herrera foi um erro. Devia ser André André (mal menor) e Otávio, e passar para 4-3-3. Uma coisa é querer ganhar presença no meio campo, outra, completamente diferente, é dar a iniciativa de jogo ao adversário, perdendo totalmente a capacidade de reter a bola no meio campo.

      A construir não há como Óliver, sem dúvida. Mas é um jogador que precisa de protecção, caso contrário será sempre alvo de porrada, que o adversário sabe poder administrar com a conivência arbitral.

      Abraço

      Eliminar
    3. E o problema está nas últimas duas palavras.

      Abraço

      Eliminar
  9. O futebol do FC Porto poderá não ter sido brilhante, mas o pundonor dos nossos jogadores valeram uma justíssima e importante vitória que até podia ser mais dilatada pois oportunidades não faltaram e mais um penalty que ficou por assinalar a nosso favor. Neste aspecto tudo parece continuar com antes, enfim.

    Um abraço meu caro e...

    FC PORTO ACIMA DE TUDO

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá se foi a tímida esperança, querido amigo.

      Abraço

      Eliminar
  10. No ano maravilhoso em que André Vilas Boas foi o nosso timoneiro, começamos o campeonato precisamente onde estou agora: na Figueira da Foz contra a Naval. O jogo não foi famoso, difícil contra uma equipa acessível. Ganhamos 1-0 com penalty de Hulk.
    Há jogos assim, difíceis, mal conseguidos. Nestes o essencial são os pontos: 3. Os que é preciso.

    Tal como depois do Estoril não se devia embandeirar em arco hoje também não há necessidade em andar a escrutinar todas as miudezas individuais dos jogadores. A equipa tem alma e tem muita qualidade. e tem adeptos absolutamente fantásticos. Estamos há uma enormidade de tempo sem títulos e esse jejum vai nos dar sempre algum nervosismo. É preciso continuar, ganhar mais jogos e mais confiança. Estamos a crescer, é preciso tempo para ter aquela confiança que nos faz sentir que, mais minuto menos minuto a bola entra.
    Mantenham a fé na equipa, não sejamos tão painelistas. É como quando se tem um filho pequeno e ele manda a primeira bola às couves: há que dar uma palmada nas costas e incentivar. Excelente remate! Outro! Esqueçam o resto. Para já é o mais importante. Deixem o resto para o Sérgio. A dúvida é corrosiva...

    Confiança!

    Santos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E nesse ano do André Villas Boas, depois dos 5-0 ao 5LB, quase empatavamos com o Setúbal em casa, depois de uma paupérrima exibição, não tivessem eles falhado um penalti no último segundo do jogo!

      Eliminar
    2. A partir de determinado momento a equipa desligada, intranquila e falhou muitos passes. No entanto, mereceu claramente a vitória, que poderia ter sido mais consistente, não fossem as diabruras do padreco. Ganhamos. Siga.

      Eliminar
  11. Temos no plantel Sérgio Oliveira, J. Carlos Teixeira, Otavio e o Rui Pedro.
    Mas eu acho que o NOSSO TREINADOR fiado na qualidade da sua defesa optou a certa altura por defender a vantagem. A NES correu mal, com SC correu bem.
    Mas de facto precisamos de reforços.
    O problema é a falta de graveto. Como não temos nenhum homem de negócios chamado Nasser Al-Khelaifi, olha, vendam o Layún e o Herrera.

    Abraço

    Luís (O MEU, O TEU, O NOSSO FCPORTO)

    ResponderEliminar
  12. Fica o resultado positivo. Quanto ao VAR, já nem comento. Sérgio Conceição tem alguns problemas. Não houve um único remate fora da área.Herrera continua a ser uma nulidade e, não se pode falhar tanto na finalização. Ao que chegou o clube. Não consegue contratar.O presidente não tem um pingo de vergonha.Nem idade, nem a saúde o fazem ponderar.Ridiculo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falta assumir responsabilidades. E não são do Sérgio.

      Abraço

      Eliminar
  13. Boa tarde Jorge Vassalo

    Merecemos a vitória claramente neste jogo, fizemos sempre uma boa pressão e tivéssemos marcado o 2ºgolo o jogo teria ficado mais fácil, (Marega falha remate, Aboubakar ao poste, Corona quase marcou...) assim tivemos que levar com uns 2, 3 lances de perigo na nossa área que podiam ter custado caro...
    É um aspecto que precisamos de melhorar, não podemos arriscar empatar este género de jogos...

    É verdade que faltou alguma intensidade, mas não jogamos sozinhos e o Tondela fez o jogo da sua vida, bem como o seu GR com algumas excelentes defesas...

    Continuo a achar que falta um box-to-box, depois do Oliver sair foi quando o FCP sofreu mais, pois perdemos um pouco o controlo do jogo, ficando o mesmo partido, talvez por isso pouco depois de entrar Herrera para 8, tenha entrado o AAndré para o meio também para ajudar...
    Não percebi porquê não entrou Otávio para 10 para segurar a bola...?

    Quanto ás VAR(iáveis) é mais do mesmo, 2 jogos, 2 penaltis não assinalados, nem com o VAR, mas afinal os lances na área adversária não são escrutinados pelo video-arbitro PORQUE?
    No outro foi Marcano a levar um soco, neste Marega é empurrado 2 vezes, leva um toque na perna e o arbitro nem pede apoio ao video-arbitro?

    Decidamente jogamos com regras diferentes...

    É a tal intensidade, só conta para os outros, com os pseudo-comentadores (o LF Lobo da SporTV) a dizerem que neste lance não é nada, mas o lance do Filipe aos 85m. já era falta e amarelo, lances praticamente iguais, não fosse a cor das camisolas...

    Abraço, Gil Lopes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O patético de tudo isto é que a SportTV é todos os anos sodomizada ao perder os jogos das papoilas para a btv e depois anda nisto..

      Abraço

      Eliminar
  14. não ha nada polemico 45min e 55 seg. penalty sobre o Ricardo lateral direito do FCP não assinalado, o FCP podia fazer 2-0 e arrumava o jogo, mas nem VAR nem nada tal como a avestruz, escondem a cabeça num buraco e esperam que passe, o lance e repetido aos 46min 22seg, diz Freitas Lobo "falta por marcar sobre Ricardo" mas não diz penalty pq sera?

    ResponderEliminar
  15. H´algo de regresso ao passado nesta vitória!
    Jogamos francamente mal, tivemos um árbitro que foi alérgico ás faltas a nosso favor (e já dou de bararto o penalti sobre o Marega e a falta brutal sobre o Ricardo a pisar a grande área!!!), e as susbtituições foram feitas por gente com vários anos de casa, mas que francamente!!! Não querem jogar? Não sabem jogar melhor? André André é o paradigma do jogador aburguesado. Marca com os olhos e corre mais lento que um caracol!
    Oliver saiu todo roto. Viu-se bem nele, pois o miudo agora faz uma posição que poucos tem estofo para tal: box-to-box! Só por maldade é que se diz que Oliver jogou mal! Mal jogou o Felipe!
    Mas tudo istos somado e dando vitória que mesmo assim acaba por ser escassa, faz-me lembrar anos anteirores onde também metiamos nojo na exibição e glória no resultado!
    Tou cumó Sérgio: foi bem saborosa esta vitória contra presidentes e treinadores que falam de maneira que a gente se aborrece com o tom dela!
    Venham lá mais jogos assim que não me importo nada! Querem ópera? Vão ver os operários!

    ResponderEliminar
  16. Boa noite a todos.

    os árbitros são os mesmos e por isso não se pode estranhar a forma como nos vão arbitrar. Este ano ainda tem uma agravante, é que o árbitro que está na cabine a fazer de VAR pode assinar pela a mesma cartilha ou influenciar negativamente o seu colega de campo. Afinal fazem todos parte do mesmo conselho APAF e costumam ser muito solidários em causa própria.

    a csocial de serviço e até comentadores que fizeram a transmissão fazem logo o choradinho do costume com a tendência de suavizar e branquear tudo. O penalty sobre o Marega é claro e quantos já vimos acontecer assim? é que mesmo que comece fora da área a regra diz que se a falta continuar e acabar dentro da área é falta e tem de ser marcado castigo máximo.

    é claro que cedo todos nós percebemos que este árbitro ia deixar os Tondelenses ligados à corrente na esperança de fazer um golinho. E até podia ter acontecido.

    no VAR não deviam estar árbitros da mesma categoria e sabendo nós e por tudo o que já foi denunciado qual a sua tendência em termos de clube.

    vencemos, suamos e no fim todos os invejosos ficaram com azia e isso é o que importa, mesmo que seja contra tudo e todos.

    Saudações Portistas

    11DruL0Vic

    ResponderEliminar
  17. Neste meio-campo a 2 o "problema" não está em Oliver mas sim em Danilo.

    ResponderEliminar
  18. Depois de duas jornadas podemos concluir que quanto aos árbitros continua tudo na mesma. Nem com VAR nem com nada, a ladroagem a favor do clube corrupto continua.
    Em Tondela jogamos mal. A tão famosa pressão à saída da área adversária desapareceu. Passes errados em catadupa.Felipe de vez em quando tem paragens cerebrais que nos podem custar caro.Aproveitamento de bolas paradas continua zero. Sérgio Conceição deve ter visto outro jogo ao dizer que fizemos uma exibição brilhante. É preciso um avançado que faça a diferença. Abou é um trapalhão que para marcar 1 falha 5. Parece uma nova versão de André Silva. Além do avançado seria preciso um médio de classe pois não é com Herrera e Andre 2 que vamos a algum lado. Com este plantel vai ser muito difícil ser campeão pois além de no geral ser de média qualidade temos contra nós os padres que inclinam os campos.
    Mas dizem ah e tal temos de nos contentar com estes pois não há dinheiro. Então é altura de perguntar aos burgueses da Sad onde gastaram os milhões desfazendo equipas campeãs. E também é vergonhoso ainda não terem tomado uma posição oficial sobre todos os casos desmascarados no UPB. Mas também de quem pactua com a existência do tal Batista e do pavão costa em órgãos decisórios tudo se pode esperar. Enfim é o que temos e como pactuamos com este poder podre não nos podemos queixar.

    ResponderEliminar
  19. Desculpem afastar me do tema, mas não resisto a comentar o
    programa de ontem UPB. Afinal,passou se a imitar os corruptos vermelhos com propaganda vergonhosa ou é estratégia bem delineada? Se é, porque nos venderam a ideia de que o melhor estava para vir? Ontem,foi praticamente uma repetição do programa anterior. O Porto Canal está a prestar um bom serviço ao clube ou está mais interessado nos lucros à custa do clube? Fica a ideia que é o que se passa. As audiências,percebem? Os padres, as missas, os 2oo e 3oo se for a três? Já não se fala nisso? E os e mails pararam porque razão? Não se falou em centenas? Vamos aguardar serenamente, mantendo uma expectativa positiva. Pode ser mesmo estratégia. Agora, que é estranho,lá isso é. E a SAD? Porque não acompanha a luta? Porque não denuncia o governo, no caso do IPDJ? Porque não tira partido das próximas eleições autárquicas.Fernando Gomes da SAD não é um político experiente? Porque não põe esse predicado ao serviço do F.C.Porto? Muito mais havia para ser questionado, mas hoje fico me por aqui.

    ResponderEliminar
  20. Sr.Jorge, ontem escrevi o meu habitual comentário e reparo que ele não foi publicado. Nele, tive a preocupação de pedir desculpa por me afastar do seu texto e falei essencialmente sobre o último programa do UPB.Foi lapso ou foi esquecimento?

    ResponderEliminar