quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Análise FC Porto 1-1 AS Roma - Reacção Raçuda Ficou A Um Danoninho


O jogo de hoje, na minha perspectiva, não foi bonito. A entrada do FC Porto foi completamente em falso, no meu entender, devido à utilização de um 4x4x2 nunca testado em competição. A insegurança do FC Porto ficou bem patente e a ansiedade dominou e o auto-golo de Felipe - azarado mas, na minha perspectiva, não responsável - foi o corolário disso mesmo.

Não sei se é a libertação da tensão ou um acordar tardio, mas o FC Porto não pode estar, recorrentemente, a correr atrás de resultados e só a encaixar no seu jogo quando está a perder! Esta raça, esta atitude tem de ser vista de início! 

É claro que, a partir daí, o FC Porto foi em crescendo até ao final (embora os descontos tenham sido extremamente confusos)  e foi apenas "graças" à ineficácia extrema - a que não é alheia ao facto do nosso único ponta de lança seja um miúdo - que não fomos capazes de levar o resultado justo para Roma.

A arbitragem foi absolutamente pavorosa e discricionária, foi-nos sonegado um penálti, embora o golo de Adrián me pareça irregular.

Apesar da entrega absoluta de todos após o golo - incluindo Adrián - a verdade é que ficam bem patentes as lacunas no plantel e a falta de soluções vindas do banco. Ainda assim, o FC Porto da segunda parte pode vencer qualquer jogo, desde que seja mais eficaz.

NOTA FINAL: Nuno Espírito Santo é livre de mudar de ideias. No entanto, chamar um jogador - seja ele qual for - e voltar atrás com a vontade, descartando-o quando ele está prestes a entrar, fica-lhe muito mal. Recordo que outros foram vaiados por muito menos. Que sirva de exemplo para o que ele não pode fazer.

95 comentários:

  1. Coitado do puto, estava de rastos. So equilibramos quando ficaram sem um. Pareciam seniores contra juniores tal a diferenca de corpo e de passada. Naquele final podiamos ter ficado sem o andre silva para a segunda mao. Maxi ja nao da para mais que isto e casillas a fazer das suas. Gostei do andre silva e do otavio. Andre andre, esteve fraquito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fraquito? Eu, por acaso, até achei que perdemos muito poder com a sua saída...

      Abraço

      Eliminar
    2. honestamente há comentários que não entendo!Ao contrário de todos, eu vi o F.C.Porto a reagir a um autogolo contra o ROMA e o ROMA NÃO É O AROUCA, vejam só os orçamentos de ambos os clubes. lembrem-se que nos saiu na rifa o pior adversário possível.
      De uma vez por todas apoiem a equipa!!! Hoje vi muito pipoqueiro a assobiar no estádio e dei por mim a pensar:
      - Mas estes sujeitos são portistas?
      Há bons sinais,sinais que estamos e vamos crescer....CALMA!!!
      P.S - O Rúben com todo o respeito que me merece é mais um jogador do F.C.Porto e nessa mesma qualidade tem de entender as opções de quem tem essas funções e responsabilidades.Sendo da casa e sendo PORTISTA ainda mais obrigação tem de perceber como é que esta "casa" funciona!

      Eliminar
    3. Nao digo que nao tenha de ter capacidade de encaixe e nem tao pouco critiquei o treinador. Mas deu pena na mesma. Ate sou a favor de um 442 como o do mourinho mas nao funcionou muito bem.

      Eliminar
    4. concordo, tens razao, o porto jogou bem menos os 20 minutos iniciais, sem isso tinhamos ganho de caras. a roma nao tem estaleca para 90 minutos basta aguenta los 30 e esta ganho. TENS TODA A RAZAO, ATE QUE ENFIM LEIO UM COMENTARIO DECENTE E REALISTA.

      Eliminar
    5. O Rúben já esclareceu. Mas falarei disso no post de hoje.

      Abraço

      Eliminar
  2. Isto de dizer que somos porto, que no dragao mandamos nós, que olhamos qualquer equipa olhos nos olhos e depois alteramos o esquema tactico para dar a bola ao adversário e jogar recuado no terreno numa completa ausencia de pressao...Nuno disse que iamos encarnar uma especie de Portugal no europeu, se isso queria dizer jogar atrás da linha da bola e esperar por um piço, quero dizer que se for isso nao sabe o que é o Porto

    Quanto ao jogo saliento a defesa, os quatro foram enormes e o Felipe nao tem culpa nenhuma no golo, e é de salientar que em dois jogos oficiais dois golos sofridos de canto. Neste golo maxi está a cobrir um adversario com o dobro do tamanho dele.

    Houve muita pressao e ocasioes para se fazer mais golos e o arbitro a nao assinalar um penalti claro. Mas tambem é verdade que a Roma estava com menos um jogador

    Nao percebo a paranoia de dizerem que se ruben estava para entrar tinha de entrar. Basicamente é como dizer que vou para os aliados festejar, eles cancelam a festa e eu a saber vou na mesma. Os interesses da equipa sao superiores a qualquer interesse individual.

    Em jeito de provocação e ironia so me apetece dizer: Que saudades dos tempos de lopetegui em que sabíamos ganhar ao bayern em casa, pelo menos nao vinha ninguem mandar no jogo ao dragao

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, não é? Mas esse não percebia nada de futebol...

      Abraço

      Eliminar
    2. É, era um nabo que trouxe espanhóis como o marcano...Ups parece que o homem fez grande jogo e esta epoca está aí para as curvas. Ja viste a calamidade se ele esta epoca pertencer outra vez, sim outra vez, à melhor defesa da europa..

      Eliminar
    3. Quem ganhou ao Bayern foram Quaresma e Brahimi.

      Eliminar
    4. Ah é? O Brahimi, em quê? E aquilo não foi táctica? Não, deve ter sido iniciativa individual!

      Eita, gente embirradora!

      Eliminar
    5. Eu sinto saudades é treinadores que tenham ganho coisas no FCP, que foram capazes de ganhar jogos decisivos… Mas isto sou eu...

      Eliminar
    6. Não me lembro de um treinador do FC Porto que tenha "ganho coisas importantes" antes de as ganhar no FC Porto, pelo menos nos últimos 20 anos, mas isso sou eu.

      Abraço

      Eliminar
    7. Nem eu mas a mim pouco me interessa o que tenham ganho ou não antes… não tenho é saudades nenhumas, nenhumas mesmo, de treinadores que nada ganharam no nosso clube… Então do Lopetegui não tenho saudades nenhumas...

      Eliminar
    8. Ou seja bora despedir o Nuno porque nao ganhou ontem, para a semana vem outro treinador, depois se empatar em alvalade outro novo... O centralismo vende ideias que os adeptos do porto antes atacavam e hoje aceitam como verdades.
      Num país que sempre atacou o FCPorto já alguma vez se perguntaram porque andava tudo a atacar Lopetegui e a dizer que era muito mau? Pois, no campeonato do colinho acabou a dois pontos da Mouraria (teria sido campeao se nao tivesse havido ajudas) e ganhou aquela que é considerada por muitos a melhor ou segunda melhor equipa de todos os tempos. Começaram a fazer a folha na comunicaçao social e fizeram a cabeça aos adeptos do Porto muito facilmente. Foi como dar um rebuçado a uma criança, porque tal como uma criança necessita das guloseimas tambem os adeptos de uma equipa sem titulos precisa de acreditar em algo...Acreditaram no inimigo

      Eliminar
  3. Caro Jorge Vassalo

    Onze contra onze levamos baile. Ponto. Completa incapacidade da equipa em pressionar. Erro gravíssimo de NES na parte táctica. Nunca contra 10 fizemos o que a Roma nos fez com 11. Isto diz muito da nossa incapacidade ainda mais reduzida pela táctica errada de NES. Ouvi as declarações de NES e temos mais um treinador que vê coisas que mais ninguém viu. Enfim. Tarefa muito difícil. Só um milagre nos salva da liga Europa mas não será apenas por responsabilidade do treinador. Quem antes foi solução hoje é o grande problema. Adeptos fantásticos. E mais não digo porque sofro demasiado com isto.

    Raoc

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tentou-se surpreender com uma táctica não testada....

      Abraço

      Eliminar
    2. Caro Jorge,

      Surpreender depois das palavras que proferidas no dia anterior? Mais um que diz e fala mas depois não há coincidência com o que se faz. Isto só com vontade não vai lá. Alguém aqui já escreveu e é verdade: porque é que um clube sem tesouraria mantém um jogador caríssimo como Casillas no plantel? Ainda hoje na hora de aperto foi mais um ajudar à festa. Não percebo. Por isso digo e repito: quem foi solução hoje faz parte do problema porque hesita, não decide e não impõem o que declara publicamente.

      Raoc

      Eliminar
    3. Concordo consigo, Raoc.

      Por um lado não estar na Liga dos Campeões não seria má ideia em termos desportivos mas se o clube nesse momento não consegue vender nem comprar ninguém e está em maus lençóis em relação ao fair play financeiros, imagina ficar sem o dinheiro da Champions!?

      O Nuno justificou a opção pelo Adrian com o facto de ter previsto uma Roma que vinha ao Dragão com as linhas baixas. Depois de ter assistido a primeira parte do Jogo se calhar não seria má ideia ter ficado calado.

      Cumprimentos

      Eliminar
    4. excelente jogo tirando 20 minutos mesmo assim sem o erro de filipe tinhamos ganho e chegava o um a zero a roma nao tem ritmo para 90 minutos e nao joga assim tanto, o porto chega para esta roma perfeitamente o resto sao tretas.

      Eliminar
    5. esta Roma so fez apenas o primeiro jogo oficial da epoca...
      em sua casa, com o casilhas e os defesas ao bones vai ser um ai jesus
      espero estar enganado

      Eliminar
  4. Em jeito de ser positivo, uns 66% dos resultados do espetro do possivel, ser-nos-ao favoraveis na segunda mao.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, marcar um golo é obrigatório, mas não sofrer dá-nos sempre a passagem.

      Abraço

      Eliminar
    2. Podemos ter qq empate que nao seja a 0. E qq vitoria, claro.

      Eliminar
  5. Boa noite Jorge,

    Aqueles primeiros 25/30 minutos foram assustadores. Há muito tempo que não via nenhuma equipa ser tão superior ao FC Porto no dragão. Não sei se foi uma aposta táctica completamente errada do Nuno ou se foi apenas nervosismo e ansiedade dos jogadores.

    O Nuno aposta no mesmo 11 há três jogos seguidos com o intuito de ter uma equipa entrosada para este jogo e depois na hora da verdade mexe na equipa e faz merda. Com essa opção acabou por confundir os jogadores por completo. Os jogadores estavam completamente perdidos e perderam o entrosamento táctico que vinham conquistando nos últimos jogos.

    Então o Corona tem sido um dos melhores jogadores nas últimas semanas e sai da equipa no jogo mais importante? O Adrian não esteve mal, mas como é que se escolhe um jogador que há 3 semanas nem contava para a equipa principal em detrimento de um dos melhores jogadores que ainda temos?

    O Porto não ganhou hoje por falta de opções. O Brahimi e o Aboubakar hoje teriam ajudado muito. Nem falo de reforços mas sim de jogadores que ainda são do clube, têm treinado com a equipa, fisicamente aptos mas que simplesmente não contam. Enfim, prefiro ficar por aqui pra não dormir mal disposto.

    Gostei muito do Telles e do Otávio. Não enganam!. O Marcano e o Felipe têm estado bem. Apesar do autogolo, gostei da capacidade de reação do Felipe. Tem garra e carácter. Herrera também esteve bem apesar da dificuldade que teve em se enquadrar tacticamente na posição em que foi colocado hoje.

    André Silva precisa de tempo senão ainda acaba como o Kléber. Gosto do Casillas mas seria preferível que não renovasse por mais uma época. O Maxi nunca joga mal (nem bem) mas parece sempre estar a jogar em sacrifício. Parece sempre no limite fisicamente. Ao contrário do lado esquerdo da defesa, prevejo muitas dificuldades para a equipa este ano no lado direito com o Maxi e o Varela. O Danilo tem de apanhar o comboio o quanto antes pois nota-se que está em pré-época ainda.

    Espero estar enganado mas tenho o sensação que o Nuno vai perder o balneário em muito pouco tempo. Por culpa própria ou alheia - ninguém pode dizer - são muitos os jogadores que não jogam ou que estão afastados. Hoje com aquele situação do Rubén Neves não ficou muito bem na fotografia (tivesse isto acontecido com o Lopetegui nem quero imaginar o escândalo que seria). Gosto da serenidade e do discurso do Nuno, realmente parece ser uma boa pessoa, mas nesse momento não sei se será capaz de vencer neste FC Porto actual. Hoje, pelo menos, pareceu-me um pouco amador e incapaz mas há que dar o benefício.

    Cumprimentos

    Braulio Rocha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando o treinador é o principal problema, não há contratações que nos valham.

      Eliminar
    2. Quando se quer surpreender - e Lopetegui fê-lo muito bem contra o Bayern e o Chelsea em casa - tem de se preparar muito bem a coisa. Quando passamos a jogar no nosso modelo - mesmo que com os mesmos jogadores - passamos a jogar bem. Mudar sistemas tácticos à 25ª hora não lembra ao diabo.

      Mas acgo que Adrián esteve francamente bem.

      Abraço

      Eliminar
    3. Com o devido respeito, penso que temos vindo a jogar em 4-4-2 (mais propriamente 4-4-1-1) desde o início da temporada, sendo que hoje o primeiro "1" era mais atacante que defensivo.

      Rio Ave:
      Casillas
      Maxi-Felipe-Marcano-Telles
      Corona-Herrera-Danilo-Octavinho
      AAndré
      ASilva

      Roma:
      Casillas
      Maxi-Felipe-Marcano-Telles
      Herrera-AAndré-Danilo-Octavinho
      ALopez
      ASilva

      Portanto, não terá havido alteração táctica (pelo menos no início do jogo).

      O que aconteceu, para assistirmos aos piores 25 minutos dos últimos anos (pensei que íamos ser trucidados...), foi que os jogadores que costumam ter alguns erros clamorosos aqui e ali começaram a tê-los em sincronia. Quer-se dizer, deu-se a coincidência de que TODOS os que costumam errar forte, fizeram-no NESSES 25 minutos.

      Estava eu, então, muito "aflito" a assistir ao jogo e comentei para o lado: "vamos levar pr'aí uns 5... só se acontecer alguma coisa fora do normal é que nos safamos…". E aconteceu! A expulsão mudou o paradigma do jogo.

      A partir daí vimos outras soluções. P. ex., Octavinho no meio, com Herrera e Layun como interiores e Danilo a trinco, e Corona como 2º avançado (4-4-2 "losango").

      Continuo a achar que NES vai privilegiar formações sem extremos. Pelo menos é o que me parece desde o início da época (e pré-época).

      Eliminar
    4. < continuação >
      Quanto a exibições individuais:
      Casillas: Parece que tem medo de se atirar para o chão (ando a detectar esse padrão...);
      Maxi: Esteve "neutro" no início. Muito bem na segunda parte. Deu muito trabalho ao defesa esquerdo da Roma;
      Filipe: Mais um auto-golo (é um facto...) e alguns disparates. Será que vai deixar de fazê-los quando ganhar mais inteligência no futebol europeu? Já ontem se viu um excelente corte em que não "foi à queima". Mas também se viram "alívios" em "roscas". E aquela falta no final...;
      Telles: Muito bem o jogo todo. Bons cruzamentos, boas corridas, bons cortes. Salvou um golo "em cima do risco";
      Herrera: O habitual. Muita entrega, muita resistência e algum critério nas opções tomadas, mas muitos passes com imprecisão (força a mais, força a menos, muito para trás, muito para a frente, etc.);
      AAndré: (Ainda) Demonstra pouca potência, mas está melhor e termos de resistência. Alguns passes errados, mas no geral não comprometeu;
      Danilo: Ainda pode melhorar muitíssimo (já vimos o seu valor na época passada). Até porque conforme se apresenta, considero que não tem capacidade para ser titular no FC Porto. Disparates atrás de disparates. Complica todas as jogadas em que intervém. Erra passes em barda, não passa a bola rapidamente e perde-a. Tenta cobrir a bola e não consegue. Raras vezes ganhou bolas de cabeça. Zero inteligência a abrir linha de passe para os colegas (chega a "esconder-se" atrás dos adversários impedindo que lhe passem a bola!);
      Octavinho: Nos funestos 25 minutos, nada lhe saía bem: passes, fintas, desmarcações. Atirou-se para o chão algumas vezes. Quando se encheu de brio, após o árbitro o ter ignorado mais uma vez, arrancou para uma exibição portentosa. Temos aqui o nosso "número 10", independentemente da posição onde jogue (eu prefiro no meio...). Para mim foi o melhor;
      ALopez: Continuo a gostar deste jogador (desde primeira época que chegou ao FC Porto... chamem-me nomes...). Acho que é dos mais inteligentes do plantel. Infelizmente, nem o público nem os (maioria) dos colegas de equipa o compreendem. Felizmente, esta época, temos mais 2 ou 3 jogadores inteligentes que sim (ASilva, Octavinho, Maxi). E isso vai-se notar esta época (desde que não seja vendido). Esteve bem em todo o jogo. Não me tinha apercebido da sua capacidade de impulsão. Por mim, conforme se apresenta, jogava sempre;
      ASilva: Ontem esteve bem enquanto teve força. Sempre na luta. Não me lembro dum passe errado. Obrigou os dois centrais da Roma a atenção permanente. Combinou bem com os colegas. Boas desmarcações, nem sempre aproveitadas (como ALopez). No penálti, gostei de ver que pegou logo na bola, a dizer "eu é que marco" (querer muito marcar golo é mais de meio caminho para converter um penálti). Quando perdeu forças - tem de aprender a não correr a todas as bolas - perdeu técnica (alguns domínios de bola falhados, alguns remates defeituosos) e discernimento (remates quando podia passar, tentativas de "furar" quando parecia ser pouco provável). Mas atenção: estamos a falar de um jovem de 19 anos!;
      Layun: Entrou para o meio campo. Não comprometeu. Apenas de assinalar alguns cantos mal marcados;
      Corona: Entrou para segundo ponta-de-lança. Nada a assinalar;
      Evandro: Entrou para "número 10". Não resultou. Mas também foi pouquíssimo tempo.

      Quanto à arbitragem, acho que esteve mal no tempo de descontos dados na primeira parte (1 minuto! Só a falta a seguir à expulsão demorou alguns 5 minutos a ser marcada). Infelizmente não viram o penálti por corte com a mão na primeira parte. Esteve bem a expulsar ao Vermaellen. Esteve bem a anular o golo de ALopez. Nesta situação (só percebi em casa) houve aquela hesitação porque quando foi feito o remate, o ALopez não estava fora-de-jogo. Só que a bola ressaltou no jogador da Roma e depois no jogador do FC Porto, seguindo então para o ALopez. E aí ele já estava deslocado.

      Concluindo: um banho de realidade esfria as espectativas. Mas "dá saúde e faz crescer".

      Eliminar
    5. (faltava o Marcano, peço desculpa)
      Marcano: Bom jogo. Tudo o que fez foi bem feito, embora não tenha feito nada de decisivo;

      Eliminar
    6. Olha, uma pessoa para além de mim que gosta do Adrián desde sempre. Eu também acho tudo isso sobre ele, Baresi, para além da capacidade fantástica de jogar ao primeiro toque. Espero que o Nuno persista na sua titularidade.

      Abraço

      Eliminar
    7. Boa noite,

      Acho que o problema não foi exactamente o sistema táctico usado mas sim a introdução de um elemento novo na equipa, sem ser por troca directa, o que obrigou a mudança de posição de vários jogadores ao mesmo tempo. O Herrera, André André e até o próprio Otávio que no começo não sabia se ajudava no meio campo ou se arriscava a frente.

      O Adrian é uma opção interessante mas não sei se o FC Porto está preparado para jogar com apenas dois jogadores no centro do terreno. Ter um médio atrás do avançado pelo menos permite a ajuda de um terceiro médio. Eu pessoalmente notei um vazio enorme no meio campo só com dois jogadores no centro. Acho que é aí que reside a principal diferença entre um 4x4x1x1 e um 4x5x1. Não é qualquer treinador que consegue jogar com dois avançados sem desequilibrar o meio campo. O Nuno não é propriamente um Jorge Jesus.

      Tirar o Corona da equipa já é outra estória, que vai além de opção táctica. É simplesmente o nosso jogador mais virtuoso actualmente, a par do Otávio, se calhar.

      Cumprimentos

      Eliminar
    8. Nao esquecer de notar o vergonhoso livre em cima da area. Nao suporto cantos mal marcados e livres mt mal marcados. Bolas paradas sao uma benesse que tem de ser aproveitada.

      Eliminar
  6. O treinador pode e deve fazer o que achar melhor para a equipa no momento o porto não é nenhum infantário com bébés a chorar por não entrar em campo mas o que é isto?? Sinceramente por mim podia já ir para a B crescer um bocadinho já que na minha opinião não passa de 1 flop que sinceramente não tem lugar para jogar no Porto mas infelizmente estamos com um plantel a roçar o indesejável mas é o que temos....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um flop que acelera o ritmo do jogo de cada vez que entra, com a sua visão esclarecida e o seu remate exterior? Abençoado caixote do lixo esse teu!

      Abraço

      Eliminar
  7. Boa noite caro Jorge,

    Apesar dos primeiros 20/30 minutos em que foi um sufoco para os nossos lados, grande jogo do Porto pela capacidade de se conseguir organizar e pelo menos empatar o jogo! Só faltou um bocadinho mais de frieza e lucidez para levarmos uma vitória.

    O ideal seria como todos queríamos, um Porto pressionante e mandão desde o apito inicial mas, à falta disso, que tenhamos sempre esta capacidade de reação e que lutemos até ao final, é só o que peço.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho possível. Não duvido que Spalletti vá defender o resultado e jogar à italiana. O problema é que esse estilo de muralhas defensivas ganha muitos jogos.

      Abraço

      Eliminar
  8. Se há coisa que não entendo é o treinador de uma equipa que joga sempre com um determinado sistema, muda-lo quando tem pela frente um jogo considerado dificil. Foi isto que o NES fez oferecendo meia parte de avanço ao adversário. Por esta atitude mostrou a sua mentalidade de treinador de equipa pequena. Começamos a perder o jogo por ele ter feito esta alteração tática tendo sido completamente dominados na primeira meia hora onde a Roma se mostrou infinitamente superior. Depois para ajudar à festa temos um guarda-redes que é um susto e que quanto à mim só é titular pelo nome pois as suas qualidades que fizeram dele um dos maiores na sua posição já não existem (é o mesmo que o nosso presidente )por isso para mim não era titular pois sendo-o podemos preparar-nós para ter muitos dissabores. Temos uma equipa limitada sem opções válidas e jogadores que não dão mais que isto.Se no campeonato ainda dá para disfarçar embora não vá dar para o ganhar, na Europa não temos hipóteses.Se a jogar em casa contra 10 nem assim conseguimos ganhar, preparemo-nos realisticamente para a derrota em Roma e irmos para onde pertencemos atualmente que é a segunda divisão europeia. Quando o nosso pretenso salvador é um puto que embora toda a sua valia e garra,ainda está muito verde,vejam-se os golos cantados que ele falhou,é claro que assim as expectativas não podem ser altas. Nós portistas devemos pedir responsabilidades aos culpados do que nos está a acontecer presentemente que são os Srs da Sad com o presidente à cabeça. É uma vergonha serem principescamente pagos e demonstrarem tanta incompetência. Estou grato a Pinto da Costa por tudo que fez transformando um clube quase regional a nível de conquistas para um colosso mundial, mas como tudo na vida o seu tempo acabou e ao não ver isso está a colocar o clube no lugar onde o encontrou e isso eu não lho posso perdoar pois o FC Porto está acima de tudo. É tempo de quem de facto sofre e ama o clube acordar e pedir responsabilidades a quem as tem de pedir.As palavras bonitas e chavões inócuos não nos levam a lado nenhum,precisa-se é de atos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As evidentes lacunas do plantel tornaram-se mais... evidentes... neste jogo.

      Abraço

      Eliminar
    2. Desculpa-me a piada mas:

      >> É tempo de quem de facto sofre e ama o clube acordar e pedir responsabilidades a quem as tem de pedir

      Ruben Neves para PRESIDENTE !!!

      Eliminar
  9. Concordo, inicio de jogo, 20, 25 m. completamente perdidos, parecia ninguem saber posições, falhas de marcação individual...
    Não sei se o treinador quis confundir a Roma, a realidade é que foram os jogadores do FCP que foram supreendidos...
    Este 442, com Herrera ou André2 mais na direita, Octãvio na esquerda e Adrian nas costas do André... não resultou...
    Só quando Octãvio começa a aparecer no jogo no 1*1 é que surge perigo, e quando ele desmarca André para o 2ºamarelo do central, (realço que os romanos entravam com tudo...e o arbitro deixava passar...).

    Não gostei do "trio" do meio campo, Danilo, Herrera, André2 não se complementam, falta claramente um jogador que pense melhor o jogo...
    Parece tudo muito sofrego, em esforço...com isso a bola, as combinações perdem-se antes de chegar ao homem da frente.

    Para mim 11 contra 11, a Roma foi melhor e é isso que me preocupa para a 2ªmão...

    Na 2ªparte, 11 contra 10, o FCP teve várias hipoteses, com a Roma a só querer defender, mas com um FCP complicativo, lá está, nem contra 10, o NES abdicou de 3 médios muito iguais, não percebi a entrada do Layun pelo André2, só a vitória nos interessava, tinhamos de abrir mais o jogo e meter um extreme, ou ala, mas nunca abdicamos do trio defensive no meio campo...
    Enfim, não percebi, e mesmo a entrada de Evandro por Octávio, nem nos ultimos 7, 8 min. arriscamos...
    Vamos arriscar em Roma contra 11 e fazer o que não fizemos contra 10 no Dragão?

    E continuo a achar, tal como no jogo contra o Rio Ave, que existem jogadores com pouca intensidade para este nivel...

    É esperar que o NES acerte na melhor táctica já contra o Estoril para os jogadores se moralizarem para o jogo em Roma.

    Pela positiva destaco os adeptos que dentro das condicionantes do jogo puxaram até ao limite...
    Pela negativa a SAD, que continua sem resolver uma série de dispensas e com isso não contrata nenhum jogador que seja realmente uma mais valia...

    Abraço
    Gil Lopes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Engraçado. Eu não achei isso. Achei sim, que a reacção começou antes de jogarmos contra 10, logo a seguir ao golo. Senão como seria possível a expulsão? Esta aconteceu porquê? Porque estávamos a ser dominados? Não!

      Depois da expulsão CONTROLAMOS o jogo, mas reagimos ANTES.

      Abraço

      Eliminar
    2. Sim, foi o que tentei dizer, durante 20, 25 min. fomos dominados, depois reagimos, mas mais quando o Octávio pegava na bola, no lance na linha de fundo (julgo que pelos 30 min.), e depois no lance a isolar o André Silva que dita a expulsão pelos 40 min..

      Ou seja, seriam 10, 15m. de reacção e algum dominio do FCP antes da expulsão...
      Mas um dominio onde o meio campo não funcionou, fosse pela estratégia de colocar Adrien, ou pelo facto dos 3 médios do FCP não funcionarem como deveriam...

      Temos de corrigir e melhorar muito...

      Abraço

      Eliminar
  10. gostei do jogo e do porto. com mais um def central bom e dois medios bons e o campeonato e limpar o cu a meninos. 20 minutos maus mas ficaria zero a zero nao fosse o azar de filipe. Herrera e um cancro e nao gosto de jogadores mexicanos que sao passivos, acomodados e pouco raçudos representando bem o seu povo, evandros, layuns, brahimis sao cancros e por isso ninguem lhes pega. Temos hipoteses a roma esta perfeitamente ao nosso alcance. Quanto a nuno parece estar a montar um bom grupo no entanto tem de evitar as patetices que fez em valencia com alguns jogadores que lhe valeram ser detestado pelos adeptos ate hoje. Os casos paciencia, agora r neves, rafa embora teles seja muito bom, se a sad nao tem dinheiro aposte nos nossos jovens. O PROBLEMA DA EQUIPA DE UNS ANOS A ESTA PARTE E O MEIO CAMPO QUE NAO TEM JOGADORES A SERIO e Danilo funciona muito melhor sozinho. FORÇA.

    ResponderEliminar
  11. Caro Jorge
    O que retiro do Jogo de ontem resume-se:
    1. Primeiros 35 minutos em que estivemos mal e por sorte não hipotecamos logo aí a eliminatória.
    2. Boa reacção, com princípios à Porto, muito coração e garra mas alguma falta de qualidade, mas indícios de que haverá um futuro melhor.
    3. Meio campo, tal como no jogo do Rio Ave muito macio, sem andamento e claramente sem um jogador que desbloqueie as jogadas de ataque - Herrera não dá...
    4. Globalmente isto parece a história do aluno que não estuda e não faz os trabalhos de casa e chega ao exame, reprova ou tira má nota e bem dizer que o exame era muito "difícil" ....
    Abraço
    Manuel Magalhães

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo com a analise.

      3 Problemas a resolver:

      1) Meio-campo: pouco pressionante e com demasiados erros, Andre Andre esteve mal na primeira parte melhorando na segunda mas não é o jogador que precisamos, Danilo fora de forma e Herrera a espaços

      2) Ataque: temos um puto que dentro do normal falhou vários golos já o disse e volto a repetir no ataque tem de estar um ponta de lança experiente

      3) Alas: precisamos de um extremo desbloqueador

      Quanto ao treinador: tentou surpreender o adversário com uma nova tática mas notou-se que ainda faltam rotinas ( a rever NES...), quanto ao resto adorei aquela raça e atitude na segunda parte.

      Eliminar
  12. Tirando os primeiros 25 minutos, gostei do que vi.
    NES não teve à disposição Depoitre e Óliver Torres para mudar o rumo dos acontecimentos, mas teve infelizmente, um apito que o empatou.
    Paciência vamos para a Liga Europa.

    Luís (O MEU, O TEU, O NOSSO FCPORTO)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Epá, e eu a pensar que ainda havia 90 minutos mais para jogar!

      Devo ter-me enganado!

      Abraço

      Eliminar
  13. independemente da ma gestao da estrutura, que nao dao ao treinador todos os ovos que seriam precisos, convem apontar umas coisas ao NES:
    nao se percbe como depois de uma pre epoca inteira em 433, de repente se entra em 442...a jogar em funcao do adversario? entao n temos capacidade pra nos impor?
    Corona um dos 3 melhores jogadores ate agora, e banco logo num dos jogos mais importantes??
    e que foi aquilo com o ruben?
    bom, nao sei se por descrenca, mas se formos com esta mentalidade a Roma e com o casilhas e a defesa a brincar, mas habilitamos a fazer mais historia mas pla negativa.
    como tenho dito, se o preco a pagar pra ir para a LE for uma revisao da abordagem entao q seja, pq se a ida a LC implicar trazer rafas e olivers a 20 ou 30M entao mais vale tar quieto
    manu365

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta coisa de levar a imprensa à letra da lei é preocupante.

      Abraço

      Eliminar
  14. Bom, meia duzia de notas soltas, sobre a 1ª parte de ontem:

    Entendi o 4-4-2 do Nuno, com a entrada do Adrian Lopez (esteve bem), todavia, com o Leverkusen (não havia Danilo, jogou Evandro como 6), V Guimaraes, Villarreal e Rio Ave, o Porto de Nuno manteve um onze base nessas 4 partidas, ontem, mexeu, e quando se mexe num processo com relativas rotinas, e o processo a consolidar, a coisa habitualmente corre mal.

    Ruben é um não caso, porém, deveria ter sido evitado, e a substituição em si, é bem distinta, o Ruben é um 6/8, o Evandro um 8/10, mas também vos digo, quem deveria ter entrado nessa ultima substituição, nem estava no banco, falo no Bueno, justamente para jogar como 2º avançado, e aproveitar as segundas bolas. Tardia entrada do Corona, quando o FC Porto jogava contra 10. O Nuno foi pouco ousado, procurou sempre manter a equipa equilibrada!

    Já se disse tudo, sobre a entrada fortissima da Roma, com uma intensidade e velocidade que bloqueou o FC Porto, acredito que voltarão a faze-lo em Roma, mas naturalmente aquele ritmo só dura 20/30 minutos!

    Terminou a 1ª parte, e vamos em desvantagem para Roma, mas, acredito que vamos discutir a eliminatória. Onde poderá estar a chave da 2ª mão? A Roma faz estreia em casa no sabado com a Udinese, nós, jogamos no mesmo dia com o Estoril no Dragão, vi na segunda feira o Estoril 0 Feirense 2, e sem menosprezar o Estoril, tem um conjunto de jogadores, mas longe de ser uma equipa, transitaram 3/4, Mano, Amado, Taira, o filho do Bebeto, e pouco mais, revelam muitas carencias defensivas (sobretudo no eixo), o Feirense ganhou, e ganhou bem na Amoreira, onde pretendo chegar? A poupança de 5/6 Atletas com o Estoril, pode ser a chave da eliminatória, por exemplo, Varela e Layun nas laterais (Telles está lesionado, Maxi poupado), Ruben e Evandro no onze, Depoitre e Corona também, e poupar essencialmente as unidades mais desgastadas, sem com isso a equipa perder qualidade e competitividade. Este poderá ser um "pormaior" para a exigencia fisica da 2ª mão em Roma!

    Spalletti, pelo Zenit empatou 2 jogos, e ganhou outros 2 jogos ao FC Porto (mas essas duas derrotas, com 2 expulsões precoces, Fucile na Russia, e Herrera no Dragão), ontem no Dragão, após a expulsao do Vermaelen, cogitei, é hoje que o Spalletti vai perder com o FC Porto. Mas também me recordei do FC Porto 4 Lázio de Roma 1, na T UEFA de 2002/03, com uma remontada épica. Bem, a ultima vez que jogamos em Itália, empatamos a duas bolas no S Paolo, eu comprava já!

    1 abraço,

    PT

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, obviamente, possível. E agora sou da opinião que já sabem o que têm pela frente.

      Abraço

      Eliminar
  15. A equipa entrou com o espírito de grande parte dos seus adeptos, MEDO!
    Depois lá se lembraram que vestem a camisola de um clube com 7 troféus internacionais.

    Esta equipa com Brahimi e Aboubakar, nem que fosse no banco, seria tão diferente para melhor que até doí!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Abou vai a caminho da Turquia. O Brahimi não quer jogar.

      Abraço

      Eliminar
  16. Ai estão as carpideiras do costume, é incompreensível como ha adeptos para quem a perfeição máxima é o minimo exigível qualquer falha qualquer desajuste ou azar é apenas incompetência!
    Empatamos mas devíamos ter ganho, independentemente de ter jogado contra 10 grande parte do jogo, tivemos azar, a roma teve sorte e apenas isso.
    Faltam 90 minutos da eliminatória, e que eu saiba em roma as balizas não tem muros nem são viradas do avesso para que não se possa pensar em marcar golos e passar o playoff!
    Esta é uma equipa em construção que precisa de tempo e de muitos jogos para errar e aprender com os erros para que possa jogar cada vez melhor, e acima de tudo precisa da paciência e calma de todos, se não der para eliminar a roma, paciência não estamos ainda preparados para voos mais altos do que o campeonato!
    SDF

    ResponderEliminar
  17. Agrego ao meu comentário anterior, as duas vezes em que jogamos em Roma, superamos a eliminatória, com o mesmo nulo, e ambas no Estádio Olímpico de Roma :

    T Taças 4 de Novembro de 1981 Roma 0 FC Porto 0!
    T UEFA 30 de Abril de 2003 Lázio 0 Roma 0!

    Um empate a zero, não dá, temos de marcar pelo menos dois golos, e vamos procurar ajuda divina, p.e no Papa Francisco adepto do San Lorenzo, o Clube com os melhores "hinchas" da América do Sul, pode bem ser Portista dia 23, afinal, o FC Porto com dois Papas pode sempre fazer dois golos em Roma!

    PT

    ResponderEliminar
  18. Boas! Não querendo analisar a incompetência da SAD do nosso clube, que chegou a níveis de amadorismo do Damásio quando este foi presidente dos galináceos, coisas houve que me preocuparam na forma como a equipa jogou. A verdade é que a Roma deu-nos um banho de bola enquanto jogou com 11. Porque é que agora é moda os treinadores do Porto inventarem em jogos decisivos na champions? O que é feito do Bueno? Quanto tempo demorou NES a perceber que o Adrian é uma opção? Porque é que o nosso jogador mais criativo está encostado numa ala quando no meio ele cresce, a equipa cresce e temos um pouco de jogo de jogo interior? Porque jogamos com um médio centro na ala direita - Herrera - tendo dois jogadores para esse lugar no banco? Porque se fazem cruzamentos para a área de qualquer lugar quando lá só está o Adrian? Há quantos anos é que o nosso clube não sabe marcar nem defender bolas paradas? Claro que houve coisas boas, sobretudo depois da expulsão. Nota-se garra, vontade, agressividade na recuperação da bola mas notam-se dois problemas que senão são resolvidos estaremos mais um ano a zeros: a equipa tem dificuldade em jogar em ataque continuado, não sabe o que fazer quando tem a bola - ou sabe, cruza para a área de qualquer lado; e as bolas paradas. Enquanto isso não melhorar, vai ser complicado.. Mas, como sempre, estou lá a apoiar e a assobiar, só o árbitro.

    Saudações draconianas,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tivemos um período no ano passado em que marcamos 4 golos seguidos de bola parada.

      O ataque continuado foi conseguido ANTES de jogar contra 10, mas com o sistema que tinham treinado - obviamente.

      Abraço

      Eliminar
    2. A questão não é o ataque continuado, o FCP com o Lopetegui também jogava sempre em "ataque continuado", com a bola a passar de jogador em jogador de um lado para outro na horizontal; a questão é saber o que fazer com a bola para criar perigo para além de cruzamentos de todo o lado e mais algum. A Roma dominou o jogo até à expulsão; depois dos 25 minutos controlou o jogo sem forçar muito e o Porto passou a ter mais bola e a jogar mais no meio-campo adversário. Parece-me que foi mais isso apesar de a seguir ao golo da Roma termos tido uma boa ocasião.

      Abraço,

      Eliminar
  19. Caro JV

    Os "banhos tácticos" de Spalletti ao FCPorto já são históricos.

    Sempre com equipas inferiores, Spalletti conseguiu melhores resultados no confronto directo.

    A prestação do FCPORTO deverá ser muito melhor na segunda mão, mas, pode ser insuficiente, sendo que o mais provável seja o clássico resultado 0-0.

    André Silva continua a falhar muitos golos.

    A opção por Adrian Lopez foi positiva mas quem devia ter ficado de fora devia ter sido André Silva e não Corona.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Banhos táticos é como dizer que o amarelo é mais bonito que o azul, agora com equipas inferiores, não anda longe de afirmar que um gato é mais perigoso que um tigre. Quer dizer: a Roma só em aquisições, para esta época, gastou quase tanto como o valor total do plantel do FC Porto e quando estava no Zenit, tinha Hulk que, como é sabido, tinha vindo dos juniores do Lokomotiv. Análises honestas sim, má fé, dá impressão que é um submarino. Equipas inferiores???? A gente lê cada uma...

      Eliminar
    2. André Silva no banco?? Claro claro.

      Abraço

      Eliminar
    3. Caro ega

      Mencionei equipas, não mencionei aquisições ou um ou outro jogador fantástico como Hulk.

      Caro JV

      Não duvido do futuro fantástico de André Silva, duvido do seu presente, ainda ontem falhou dois golos.

      De qualquer maneira, NES mandou vir Depoître

      Eliminar
  20. Boas, se era melhor o FCP ter ganho é claro! Mas não está nada perdido pelo contrário notou-se perfeitamente que existe qualidade no nosso futebol! É necessário limar arestas sim! O plantel precisa ser reforçado claro! Mas só ira acontecer se passar o nosso clube nesta eliminatória e eu acredito nisso.

    Viva ao FCP

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com esta garra acredito! E, principalmente, acredito no campeonato!

      Abraço

      Eliminar
  21. Se me permitem, notas minhas sobre o jogo:

    1: Penso que o porto entrou mal, primeiro por que a Roma não é uma equipa qualquer, e também por que o sistema táctico não estava de todo preparado. Com isto não digo que não seja boa ideia ( eu gosto do 442 ) mas tem que ser preparado, senão não vale a pena.

    2: Batem no Casillas ... sim, ia fazendo um frango mas .. houve um lance que defendeu 3 remates. Teve mal num lance, teve bem no resto do jogo.

    3: Finalmente e com muito prazer, posso dizer "Marcano, granda patrão, Xup* MAICON".

    4: Houve um lance em que já estava a gritar "F*d*ss* Brahimi passa pro André Silva", mas depois vi que era o Octavio.

    5: Anda muita gente a querer o Ruben Neves na B, mas para mim, tomara metade do plantel chorar para jogar 5 minutos. Maior parte, nem que o treinador implore quer jogar.

    6: E não é que o Depoitre fazia mesmo jeito ?

    7: Precisa-se trabalhar o ataque, esta ineficácia não pode continuar. Não falo do André falhar um ou outro lance, falo de não haver rotinas. Quer dizer, nota-se que já existem algumas, mas ainda são insuficientes. É a bola chegar aos médios e haver movimentos já na cabeça da equipa ( não na cabeça de um ou outro jogador ).

    8: Os jogadores não são cepos. Nem Adrien Lopez, nem Bueno, nem Josué, nem Brahimi, nem Hernani nem Suk, nem Marcano, nem Casillas ( na minha opinião ) são cepos. Sem motivação e sem uma equipa em sintonia, ninguém rende. Um aparte, não gosto do Evandro.

    9: Vamos apoiar e dar tempo ao tempo: duas coisas podem acontecer: NES continua a inventar e começar a perder a motivação dos jogadores e ... pronto, já vimos esse filme nos ultimos 3 anos. MAS também, NES é um treinador novo, ainda tem muito que aprender e evoluir. Pode aprender do que fez de bem e do que fez de mal neste jogo e melhorarem todos.

    Se irá acontecer o primeiro filme ou o segundo filme, ninguém sabe, mas temos que proporcionar o ambiente para que seja o segundo filme.

    É a minha opinião, enfim, cada um tem a sua.

    ResponderEliminar
  22. Depois de acabar a ilusão da Champions - sim, ainda faltam 93 minutos, alem da vitória há empates que nos servem como 2-2 por exp. e a defesa da Roma pareceu-me vulneravel - devia haver haver a coragem de continuar a fazer-se depuração no plantel. Assim, dizer a Casillas - um ser humano de excepção e uma simpatia de pessoa, mas que já não tem pica para estas coisas - que o tempo dele no FC Porto tinha chegado ao fim. A Maxi - um profisionalão, mas que depois de ir já lhe custa vir (é, acontece a todos) - causador, sem querer, de enormes avenidas nas suas costas, pondo em causa o equilíbrio da equipa. Atenção, a nenhum deles assaco culpas pelo resultado de ontem, que isso é motivo para outra conversa, mas porque me parece não fazerem parte da solução para os problemas que este plantel tem e, como estamos em mudanças, aproveitava-se.

    ResponderEliminar
  23. Olá a todos. Não gostei do jogo e muito menos da prestação do nosso treinador. Mais um que se acobarda quando devia arriscar e quando tinha toda uma segunda parte par a jogar contra 10 jogadores. Devia ter mudado para 4-2-4 e ter tirado um homem do meio campo central e ter metido Corona.Jogava com ASilva e ALopez na frente e Otávio e Corona nas alas.Depois quando tira Otávio e ALopez o jogo ofensivo da equipa acabou.O FcPorto não precisa de treinadores destes que não sabem ler o jogo e que é dos livros. Os treinadores que vem par ao FcPorto tem um problema que é do tentar ficarem bem com os adeptos para sobreviver, por isso preferem jogar sempre à defesa para ver se não acontece nenhum resultado vergonhoso e com isso caírem-lhe todos em cima e colocando em causa o seu lugar. Num jogo em que é preciso arriscar, arriscou pouco ou nada. Ontem precisava-mos de um Brahimi e aonde estava ele(estava inscrito)? é assim que o querem vender se não o colocam a jogar?

    estou desiludido e a juntar a isso, aquilo que fez ao Ruben Neves não se faz.Todos se lembram de Quaresma em Lille e o barulho que deu com Lopetegui.

    não creio nesta equipa com este treinador.Tinha as minhas dúvidas quanto ao valor do NES, mas ontem fiquei quase sem elas.Tem na próxima terça-feira a oportunidade de nos mostrar o contrário passando a eliminatória e que não se venha desculpar com a arbitragem.

    saudações portistas

    11DruL0Vic

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viu o quadrado de pressao que a roma fazia no meio campo? Se so la ficassem dois dos nossos entao a unica forma da bola chegar a frente era de chutao.

      Eliminar
  24. Boa tarde,

    Antes de mais, queria felicitar pelo blog, que leio assiduamente, sendo no entanto esta a primeira vez que comento.

    Assim, relativamente ao jogo de ontem, observei o seguinte:

    1) O NES é um cagão. Faz-me lembrar o Jesualdo quando jogava com clubes mais fortes, ou o JJ no benfica quando jogava contra o Porto...
    São treinadores que se acobardam e inventam para tornar a equipa mais defensiva amputando os princípios e (poucas) rotinas que esta tem.
    Eu concordo que haja vários modelos para abordar os diferentes adversários, mas convém treiná-los e assimilá-los bem antes ou corre-se o risco e andar tudo às aranhas como se viu ontem antes da roma marcar.

    2) Temos bons jogadores em potêncial, só que mal posicionados...
    Um jogador com a classe do Octávio tem que jogar no meio e ponto final!!! Ainda por cima este é um 10 que ajuda muito na defesa!!!
    Não compreendo a panca de jogar com um 6 (Danilo) e dois 8 (Andre2x e Herrera), embora estes últimos com características diferentes (o primeiro mais posicional e o segundo um box-to-box). Em 433 jogava o Danilo (6), o Herrera ou o Andre2x (8) e o Octávio (10).
    3) Ontem, a meu ver, fez muita falta o "pinheiro" Depoitre...
    Quando em desvantagem numérica a Roma recuou, para a saída do Adrián Lopez (que fez um bom jogo) deveria ter entrado o Belga para dar poder de choque na área, a acompanhar o puto (que fez um bom jogo mas falhou pelo menos dois golos "cantados")...

    A eliminatória ainda não está fechada, mas lá vai ser muito difícil...

    Veremos como vamos abordar o jogo lá.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ou mourinho quando ganhou a champions assim... Que cagao pa.

      Eliminar
    2. Oh sr.Anonimo, diga lá quantas vezes viu jogar o "pinheiro" para dizer que fez falta. Tenho pena é de não o ver como treinador é que são visionários como você que fazem falta ao FC Porto. Tenho quase a certeza.

      Eliminar
    3. Obrigado. O Depoitre não pôde ser inscrito.

      Abraço

      Eliminar
    4. Caros,

      Não me devo ter expressado bem, mas passo a explicar o meu ponto de vista.

      Quando digo que o NES é cagão é por ter mudado a táctica especificamente para um jogo, notando-se pelo futebol (falta de...) que a equipa apresentou, nitidamente por falta de as rotina.

      Continuo a achar o mesmo, bem um esquema tem bem oleado e põe-de logo a inventar, enfim..

      Depois,não se pode sequer comparar com o 442 do Mourinho em que todos sabiam exatamente o seu papel, é a equipe funcionava exatamente como tal, em "equipa", um bloco sólido que funcionava como um "uno".

      Não me lembro de uma anarquia semelhante em campo como se viu ontem numa equipe do Mourinho...

      Depois, na minha modesta opinião, nem me atrai muito o 433, gostava muito mais de um 4132 ou de um 442 em losango, pois sem extremos puros de grande qualidade parece-me que seria mais apropriado para as características dos jogadores que compõem o plantel ( pelo menos até ao momento).

      No entanto, não me considero nem um visionário nem iluminado, apenas tenho opinião própria, avaliando e tecendo as minhas ideias pela minha cabeça, pelo que vejo... no entanto respeito opiniões divergentes de pessoas que fazem analises ou que têm visões diferentes da minha.

      Quanto ao Pinheiro, não está em causa a qualidade do mesmo, (evidentemente não será por meia dúzia de minutos jogados que se poderá tecer qualquer tipo de julgamento, positivo ou negativo sobre o Belga) mas sim a utilidade que me parece que um jogador com as suas características poderia ter no jogo como ele ficou.

      Sei perfeitamente que não é responsabilidade do NES, este não poder ter sido inscrito, bem como poderá também não ser sua responsabilidade (ou será, honestamente não sei...) a inexistência de outra solução de ataque para ser lançada em caso de necessidade (refiro-me ao Aboubakar e ao Brahimi).

      E se o puto por alguma razão não puder jogar???

      Anónimo não sou, não tenho problema algum em "dar a cara" pelo que digo, apenas me esqueci de assinar o comentário anterior... maçariquices de caloiro nestas andanças...

      Curicica

      Eliminar
  25. Jorge, desculpe la estar +/- a copiar um comentario que pus noutro lado, mas acho que resume bem e que eu vi...

    Ao contrario de muitos, eu nao acho que o 4-4-2 e a entrada de Adrian tenha sido a causa dos primeiros 20 mins. O que realmente aconteceu e que a Roma vinha com a licao bem estudada - pressionar muito ate marcar o primeiro golo e depois retrancar. Ora, o que se viu, e que eu ja tenho dito muitas vezes, e que o nosso meio-campo e uma trampa. Aqueles 3 jogadores nao conseguem controlar uma bola, nao conseguem receber e manter a bola no pe, nao conseguem dar uma bola de primeira que va na direccao certa... Por isso quando foram obrigados a reagir a pressao, perderam tudo que era bola. E cada ataque rapido da Roma era ve-los a fazer jogging de volta em vez de correr...
    Os unico que conseguiam fazer algo eram os 3 da frente (os que tem tecnica), so que quando Otavio ou Adrian vinham atras (meio do nosso meio campo) para transportar, so sobrava 1/2 colegas a frente para 6 adversarios...

    Uma pergunta para os que acham que a entrada em 4-4-2 (ou 4-4-1-1) foi o problema - podem me dar exemplos concretos de como essa decisao causou problemas? E que so dizer que isso foi o problema sem explicar nao vale!!! E ja agora como e que dominamos dos 20 aos 40 mins, com a mesma tactica e contra 11?

    Nao podemos continuar com atletas em vez de futebolistas. Meter a forca e garra de Danilo e Herrera (Andre Andre tb, mas ate nao foi tao mau como isso) nao serve de nada se nao sabem jogar a bola... qualquer pressao adversaria e e um ver se te avias...

    NES tem muita responsabilidade no onze escolhido, nas substituicoes que mostram que ele estava satisfeito com o resultado, e no modelo de jogo fraco que fazia com que constantemente se cruzasse para a area onde estava 1 ou 2 colegas para 5 adversarios...

    Por este andar, Otavio e Andre Silva nao ficam ca muito tempo - que categoria!!!

    Corona entrou e conseguiu estragar todas as jogadas em que se envolveu.
    Adrian, apesar de estar um pouco perro devido a ma organizada pre-epoca mostrou que tem mais que argumentos para lutar pela titularidade.
    Telles e jeitoso, mas alguem tem de lhe dizer que nao precisa de cruzar sempre que tem a bola.

    Acho claramente que temos plantel para montar uma equipa muito melhor que este 11.

    Finalmente, meu rico Ruben... ele nao estava a chorar por nao entrar... ele estava a chorar porque ja vai no terceiro treinador de merda que nao percebe que ele devia ter lugar cativo no meio campo em vez dos desastres que eles la poem...

    Tenho fe que com um onze diferente e com uma pitada de sorte (que nunca parecemos ter na Europa) vamos a Roma ganhar esta eliminatoria.

    ResponderEliminar
  26. NES não é treinador para o Porto. Ontem provou-o acobardando-se e mudando tudo e a prova foram 30 minutos em que pareciamos uma equipa do distrital. Depois vem com a conversa da treta do somos Porto que é de um ridículo atriz. É preciso dar provas no campo e deixar de ser papagaio com conversa para entreter incautos. Vamos ver em Roma o que faz mas não se esqueça que podemos perder mas com dignidade e não ir para lá cheios de medo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho o argumento de mudar, uma falsidade. Nao era pior um tipo que usa sempre o mesmo esquema, contra o adversario que seja?

      Eliminar
    2. Sr Artur, mudar sim, mas convém primeiro treinar bem a coisa, não?

      Isto de mudar só para tentar surpreender o adversário é muito bonito só que é necessário saber da coisa para não ficarem e os nossos "surpreendidos"...

      Agora, espero que o NES aprenda, que realmente se deixe de invenções e que rotine a equipa num esquema antes de passar para outras variações de jogo.

      Curicica

      Eliminar
  27. é o que sempre digo. Treinadores "cagões" são e serão sempre pequenos e quando montam as equipas a pensar no adversário e naquilo que temem deles, as coisas quase sempre correm mal, pois está a tolher os nossos jogadores que vão lá para dentro com um espírito bem diferente daquele que poderia ser dado caso o treinador estivesse só preocupado com o seu jogo e não com o adversário.

    sinceramente e já vamos entrar na 4º época sem vencer e juro que não entendo a fixação em jogar com 3 jogadores no meio campo.Se temos um jogador como Otávio que sabe atacar e defender e fazendo nos lembrar Deco, então porque carga de água metemos Herrera e André André no onze? só pode ser por medo e desconfiança na equipa.Os jogadores percebem quando um treinador é ambicioso nas suas escolhas ou não e NES ontem mostrou tudo menos isso.

    Para quando um 4-4-2 sem medos?

    ontem era bem preciso este FcPorto:

    Casillas, Maxi, Felipe, Marcano, Telles, Danilo, Otávio, Corona, Brahimi, ALopez e ASilva

    isto sim é uma equipa que preocupa os adversários e não as que temos feito ao longo destes anos.

    Saudações Portistas

    11DruL0Vic

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dois jogadores no meio, contra a malha da roma? Nao funcionava.

      Eliminar
    2. A jogar contra 10 e com o lado esquerdo da defesa deles sobre brasas podes crer que resultava.

      Eliminar
  28. Só treinadores de TV. Só treinadores depois de maus resultados. Com estes treinadores havemos de ir longe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem creio que me sirva a carapuca, mas que diabo, nao se pode discutir tatica futebolistica? Politica futebolistica? Preferencia futebolistica? Ofende? Bem sei que se trata de uma religiao, mas so se pode falar baixinho? E rezar para dentro? Nao é este o sitio certo? Curiosamente nem se ve ninguem a por em causa o empenho ou profissionalismo dos jogadores.

      Eliminar
  29. Felizmente fui jogador do Gervide!!!!
    Ia mais depressa á Champions que este Porto, pelos comentários aqui opinados!!!

    Com adeptos destes, quem precisa de adversários????

    Só pude ver o meu FC PORTO (não o do Luís), a partir do lance do penalti. E do que vi, retive na memória uma equipa que quis ganhar, fez tudo para ganhar, não teve a sorte do jogo para ganhar (só o Felipe falhou 3 ocasiões de golo) e, vi uma Roma fechadinha lá atrás (só vi o Casillas num atraso de bola do Marcano!!!), com a tradicional e olimpica italianice do ferrolho e queimar tempo...

    Mas lá está. Como só vi 1/3 do jogo, não devo perceber um corno de futebol!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felisberto,

      Veja então os primeiros 20min e depois falamos...

      Não quero dizer eu com isto que não temos as nossas hipóteses de passar, mas temos que ser realistas para não cairmos no ridículo, se em nossa casa passamos por tal sufoco (podíamos ter levado duas ou três batatas no saco nesse período, e a eliminatória teria acabado aí) lá certamente que será muito mais difícil...

      Louva-se a reação, mesmo antes da expulsão romana, no entanto esta apareceu muito por estratégia da Roma que a partir do golo baixou as linhas e passou a praticar um futebol de maior contenção.

      De qq forma, o apoio à equipa e ao treinador será sempre incondicional, sem se deixar no entanto de à posteriori se analisar com frieza e lucidez o ocorrido.

      Curicica

      Eliminar
  30. Respostas
    1. Fixe. Hiper valorizado e ridícula novela.

      Abraço

      Eliminar
    2. Fixe. Hiper valorizado e ridícula novela.

      Abraço

      Eliminar
  31. Caro Jorge, viu as noticias que falam da saida do Antero henrique? Até gostaria de ver algum post em algum blog a falar disso para ver o que vai ser escrito pelos adeptos. Espero que o homem nao va a lado nenhum e caso va espero que isto nao seja um "Ai sou eu o problema? Entao agora vao ver o que sao problemas"

    ResponderEliminar
  32. Não tive nenhuma notícia nesse sentido .

    Abraço

    ResponderEliminar
  33. Não tive nenhuma notícia nesse sentido .

    Abraço

    ResponderEliminar
  34. Como disse à uns dias está na altura do FCP tomar uma medida em relação ao Braga! Mais uma vez!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Corte de relações ja... Basta ! Salvador grande FDP

      Eliminar