terça-feira, 21 de abril de 2015

KO Em 20 Minutos


Há noites assim. Só quem não percebe que na outra equipa jogam 6 campeões mundiais e alguns europeus é que pode não entender essa realidade. Levamos um banho de bola dos antigos, de uma equipa que tem mais 350M de orçamento bruto e que tinha o orgulho ferido. Demos uma paulada na Anaconda mas esta acordou e viu a dimensão que tinha. 

Vi no jogo do Bayern tudo o que vi o Bayern ser ao longo do ano: uma equipa com uma velocidade a mais, imperiosa a atacar, ligada como mais nenhuma, fabulosa a defender. E claro, Alex Sandro e, principalmente, Danilo, são nomes já conhecidos. Não jogamos só sem laterais, jogamos sem experiência. E isso foi mortal. Não há culpas estratégicas, há de concentração. Não há "Golos" ou "Faltas", há a evidência: uma equipa jogou e a outra entrou em tontura com aquela velocidade de passe.

No Dragão houve critério e pressão cuidada, mas também houve sobranceria do Bayern. Desta vez houve respeito e atitude. Porque uma final é possível, uma eliminatória é muito pouco provável.

A única coisa que me espanta é, admito, que uma equipa que viveu para a Champions não tivesse sabido reagir antes do intervalo e que o seu agente de mudança fosse um miúdo de 18 anos.

Ainda assim, ninguém esperaria que chegassemos tão longe e, convenhamos, contra o Bayern este resultado foi apenas...normal. E tudo o resto é treta.

Fico muito feliz por todos os benfas virem festejar. Parabéns, agora já podem ser campe... ah espera, não podem nada. Foram eliminados na fase de grupos.

E não me encham a caixa de comentários do blogue com críticas a Lopetegui. Ele não passou a ser uma besta só porque perdeu por 3 golos de diferença contra a maior equipa da Europa. O meu orgulho em Lopetegui e no meu Futebol Clube do Porto continua intacto.


67 comentários:

  1. Boa noite,

    Hoje estivemos muito mas mesmo muito apáticos e não demonstramos mentalidade competitiva para aguentar a pressão. As grandes equipas crescem nestes momentos. Esperemos que assim seja. Nem houve tempo para analisar a entrada de Reyes na equipa. Acho que foi um tremendo erro mas não foi por aí. Hoje perdíamos sempre porque eles são de facto melhores. Mais nada. Num jogo podemos ganhar. Numa eliminatória é difícil mas mesmo assim é bom que se diga que hoje tudo lhes saiu bem e nós tudo correu mal, para além de termos claramente separado entre os que têm capacidade de progredir e crescer e os que dificilmente aguentarão esse ritmo.

    Gostei muito das palavras do mister no final do jogo e espero que haja muita gente à espera da equipa no aeroporto. Temos uma tremenda tarefa no próximo domingo e espero que a equipa reaja de imediato.

    Sou um orgulhoso portista. Fizemos uma champions fantástica. No final da época faremos a análise devida.

    Raoc

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mais uma nota para dizer que é nestas alturas que os pormenores fazem a diferença e a arbitragem da primeira mão influencio claramente o desfecho da eliminatória. A perdoada expulsão do Neuer e os amarelos cirúrgicos beneficiaram os alemães.

      Raoc

      Eliminar
    2. Concordo, mas contra 6-1 o que dizer? A arbitragem foi menos má do que esperava, digo-o frontalmente.

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
  2. Foram 35 /40 minutos muito complicados em que os jogadores viram o sonho esfumar-se...isso deixa mossa. O segundo golo de rajada, não nos deu tempo de recuperar do golpe do primeiro. Depois foi o descontrolo de uma equipa atordoada, que percebeu que o Bayern era melhor e que as coisas só iriam piorar. A segunda parte foi mais "limpa" porque o Bayern abrandou o ritmo e isso permitiu nos ter mais bola. Conseguimos marcar um golo e criar mais uma ou outra situação, mas assim que eles aumentaram a velocidade, as dificuldades aumentaram novamente. São derrotas que deixam mossa, mas sabíamos no fundo que seria um jogo mais ou menos neste registo e que só algo de muito excepcional poderia resultar noutro desfecho. Conforme disse no outro comentário, fomos respeitados em casa da melhor equipa do mundo e isso por vezes resulta neste tipo de resultados. Agora é recuperar os jogadores, fazer lhes ver que este resultado não mancha este percurso europeu e unir as tropas para Domingo. O bater no Lopetegui por parte de adeptos(?) portistas(?) é o normal Vale o que vale e para mim vale nada. O mister fez o que lhe tera sido pedido, ir até onde fosse possivel. Foram os quartos, nada mau para quem veio de uma pre eliminatória. Tenho pena que tenham sido estes os numeros da derrota. Apenas isso. Nada mais. Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como habitualmente, subscrevo.

      Abraço. Obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
  3. Não é hora de culpar - ainda que haja culpas a distribuir.
    Hoje não rimo mais. Estou tremendamente estourado. Estou esbaforido como poucas vezes me sinto...

    Esta equipa reganhou um apoiante ainda mais fervoroso, a partir de hoje. Este treinador subiu ainda mais na minha consideração - não pelos erros, mas pela atitude e pela confiança num projecto a começar e que é promissor.

    Hoje temos de ser ainda mais Porto. Contra tudo, contra todos, contra os labregos e contra os pategos dos Ola Johns desta vida.
    Não sei se contaremos pelos dedos as pessoas que esperam aquela equipa, no aeroporto, mas merecem um apoio ainda maior, depois daquilo que vimos hoje; em cada estádio e em cada cântico.

    São realidades diferentes; mundos diferentes; pesos sobre pesos diferentes.

    E rematando, retomo o que me deixa fodido com todas as letras: uma cambada de jumentos rubros a delirarem em tudo o que era rádio por onde sintonizei aquela primeira parte que, felizmente, não pude ver; uma cambada de sabujos televisioneiros, onde o indivíduo com cara de Peter Pan se fartava de gargalhar à nossa custa, olvidando aquela noite inesquecível dos Balaídos.

    Hoje, sinto-me humilhado, Mas relembrando sempre isto, começa aqui, com toda a certeza, uma nova era.

    Um forte abraço, Jorge! Perdoa-me a linguagem! Amanhã devo estar melhor (ou não)...


    http://imbictopoema.wordpress.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo, há que relembrar que marcamos mais golos ao Bayern do que eles em toda a prova e ganhamos mais dinheiro do que o zbordem vai ter como orçamento da próxima época. E isso vai fazer diferença.

      E quanto às bocas, aticem-nos aticem-nos!

      Abraço. Obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
  4. Fabiano não é redes para um grande...
    Lopetegui abdicou de atacar...fez o fcp perder a identidade!
    Muito fraca abordagem...um autêntico Viterbo na Luz!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha quem voltou. Contar consigo sempre nas horas difíceis para aquele apoio especial, não é Paulo?

      Eliminar
    2. O normal Jorge. Deve ser um daqueles que estava mortinho para no fim dizer: eu não disse. Já sabia. Abraço

      Eliminar
  5. Jogo fraco. O Oliver não tem pedalada para estas andanças. O Herrera também não. O Fabiano não fez uma defesa decente. Vergonhoso. O Bayern estava muito desfalcado, foi uma oportunidade única de ganhar por seis a zero. Infelizmente, o mister comprometeu mais uma vez. Isso viu-se no golo do Bayern. Como é possível deixar o Marcano de fora? incrível. Agora já se fala em deixar de fora os laterais para Munique, em poupança para a Luz. Ora, isto demonstra uma falta de respeito muito grande pela instituição FC Bayern. Assim não. Podíamos ser campeões do mundo, mas ontem perdemos a oportunidade. Podiam ter sido seis a zero. Podiam e deviam. ( e foram) Saúde.- João

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh João, pá, essa ironia é sempre mal interpretada!

      Abraço. Obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
  6. A equipa portista talvez não tenha capacidade para melhor, principalmente sem Alex Sandro e Danilo. Não esquecer que o Ricardo pouco tem sido utilizado e é um jovem em adaptação e que o José Angel nem inscrito está na Champions.

    O Bayern empurrou o Porto para a sua defesa mas a equipa de Lopetegui também não mostrou querer contrariar isso. O Porto entrou com o autocarro e um autocarro de tal forma estacionado que nem tinha possibilidade de tentar criar jogadas de contra ataque.

    Com Reyes e Martins Indi a equipa não conseguiu qualquer profundidade nas laterais e para dizer a verdade o mexicano pareceu-me apresentar-se como um terceiro central com o Quaresma a jogar a lateral direito. Uma coisa é um extremo defender e outra é jogar a defesa direito.

    Lopetegui não quis arriscar com uma pressão alta, que tão bem funcionou no Dragão, e optou por abdicar totalmente da bola e de atacar.
    Nem o Porto tem uma equipa para esse estilo de jogo nem o Bayern tem problemas em abrir colectiva e individualmente esse tipo de defesas.
    Como é que Oliver passou 45 minutos a desmarcar os jogadores do Bayern?
    Como é que o Helton continua sem ganhar a titularidade?

    Quando uma equipa abdica totalmente de sua identidade e processos de jogo e se apresenta em campo recheada de adaptações ao adversário, há uma grande probabilidade de os seus jogadores se tornarem meros espectadores do futebol jogado pelo adversário.
    Daniel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não creio que essa tivesse sido a estratégia de Lopetegui ou a vontade dos jogadores. Creio é que o Bayern entrou... à Bayern, e com a corda toda.

      Abraço. Obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
    2. Se Lopetegui colocasse de inicio o Ricardo e o jogo acabasse a 5-1 a culpa era do treinador que devia ter colocado o Reyes. É um problema cultural que está mais que estudado. sempre me disseram que os Portugueses eram os maiores a tomar as decisões dos outros, mas quando chega a hora de serem eles a tomar decisões e assumir as responsabilidades aí a coisa já não é bem assim.
      Se concordo com tudo o que o Lopetegui fez ontem, não. Mas ele lá terá as razões dele e era a pessoa melhor colocada para decidir, por isso aceito-as.
      Quase de certeza que a derrota doeu mais ao Lopetegui e aos jogadores do que aos adeptos que os criticam hoje.

      Eliminar
  7. Acho piada a certos comentarios, até agora o Oliver era um super jogador, agora já não tem pedalada. Até agora tinhamos uma grande equipa, agora já não prestam.

    O grande problema no jogo de ontem foi que apanhamos uma grande equipa, que sempre foi, com o orgulho ferido. E digo mais eles a jogarem sempre assim goleiam qualquer equipa.

    Agora so temos de levantar a cabeça po proximo jogo. Não vale apena tar a bater nos jogadores, so temos de os apoiar. Este jogo já era.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que o João está a ser irónico...

      Eliminar
    2. Miguel, o João estava evidentemente a ironizar.

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo. Esse ve-se principalmente nas horas difíceis.

      Eliminar
    3. Se estava a ser ironico peço desculpa, mas eu estava a referir de uma forma en geral e pelo que se vai lendo pela bluegosfera em geral.

      Mas pronto é que se tem nas horas dificeis e quando as coisas correm menos bem.

      Abraço
      Miguel

      Eliminar
  8. Quero agradecer aos jogadores e à equipa técnica por me terem dado a oportunidade de sonhar. Somos uma equipa em crescimento cheia de jogadores jovens e que nos vão dar muita alegrias. Não se pode comparar o incomparável. O Bayern é uma equipa que se vem formando à vários anos e se tem refinado cada vez mais. O FC Porto nem tem um ano neste projecto é a nossa equipa é bastante jovem. Um passo de cada vez.

    Agora é recuperar os jogadores para o galinheiro e sermos campeões.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bem dito.

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
  9. Boas, é para apresentar a continha oh faxabor. Quem paga? ;)
    Abraço Jorge.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora quem as vai pagar todas são as galinhas...

      Eliminar
    2. Siga então a conta para o campo de futebol ao pé do CC Colombo. Nem mais! Esclarecido Jorge? :)

      Eliminar
  10. Levamos um banho de bola. Certo. O Bayern era muito superior. Certíssimo. Era inevitável levarmos chapa 6. ERRADÍSSIMO.

    A isso se chama não olhar a derrota de frente. Aos 30 minutos e já com 3-0 no marcador, Lopetegui tira Reyes. Mais claro não podia ser esse mea culpa. Adaptar Reyes, que não jogou simplesmente com a equipa nesta temporada, nem na sua posição nem em nenhuma outra, tendo a possibilidade de lançar Ricardo, jogador com alguma utilização regular e sempre a lateral, foi um erro incompreensível. Com isso, Lopetegui conseguiu simultaneamente piorar a prestação defensiva na faixa e aniquilar as nossas possibilidades de sair em posse, arrastando taticamente o resto dos jogadores a posições permanentemente descompensadas. Basta ver que Reyes deixou Goetze sempre livre (vide eg. 2-0), tendendo a juntar-se demasiado ao central do seu lado. Isso basculou constantemente toda a equipa, lançando-a no caos posicional que se viu. Estivemos sempre empurrados em cima da área, e uma vez com a bola não existiam possibilidades de a manter. A própria adaptação de Indi foi muito contestável. Quando as coisas não evoluem sequer da primeira fase de construção, qualquer grupo de médios tem prestações dignas da distrital...

    A derrota pode ser assacada ao Bayern, claro, mas a humilhação foi imposta por más opções técnicas. Não adianta fugir a esse facto, bater-se no peito e falar na primeira mão. Para a historia o que fica é uma eliminatória em que o Bayern vira um 3-1 com 6-1, um FCP abúlico com 20-30 minutos aterradores em virtude uma opção inacreditável do treinador. Também ninguém contesta a inexistente gestão da carga disciplinar dos jogadores, que permitiu chegarmos ao cumulo de ter os dois laterais em risco...

    E agora recuperem esta equipa para Domingo, ajuntando-lhe as dignificantes declarações do mister, segundo o qual "só" fomos superados por 3 golos... Expliquem as jogadores que era impossível levar menos de 6 na pá.

    Eu não percebo como pode um gajo dizer-se portista e ao mesmo tempo estar orgulhoso com a merda que ontem se passou, encara-la com um encolher de ombros e dizer que a catástrofe se deveu simplesmente a diferença de qualidade entre planteis. O Porto que eu adoro encara as vicissitudes negativas de frente, não foge a realidade dos problemas, nem entra em estados de negação. Houve incompetência da grossa e inadmissível. E veremos no Domingo se as consequências se ficam por aqui.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AH não! Não há um único, acho eu!, portista orgulhoso deste resultado. QUer dizer, se calhar...há um ou outro. A começar por si, não? Mesmo reconhecendo-lhe a razão onde a tem (i.e. nunca felizes por levar 6; e nada de fazer de conta que não aconteceu!), todo o comentário me soa a "puuuuuumbas! estava a ver que não! chiça! kesverketinhakengolirotipo?". Curiosamente, o Bayern, de facto, virou 3-1 com 6-1 (ouch!); mas não li nadinha no seu comentário sobre o facto de ter tido necessidade de VIRAR. Não estava preparado para o 3-1, certo? Já o discurso do 6-1 saiu-lhe fluidinho. Então a parte relativa ao jogo do próximo Domingo, ui, wishfull thinking hein? O que espero, caro André, é que, apesar de tudo, esta equipa destroçada e este treinador de quinta categoria, lhe dêem motivos para festejar nos Aliados este ano. Apesar da azia, verá que lhe vai saber bem. Saudações portistas.

      Eliminar
    2. Ah, com o Ricardo foi totalmente diferente? O que faltou foi um lateral experiente e ponto final. De cada lado. Mas sabe, também não estou certo que tivesse mudado muito. Este Bayern goleia qualquer equipa, sim. Independentemente de Robben e Ribéry. Especialmente o último.

      Eu posso dizer-me Portista - bem como a generalidade dos que aqui comentam - porque estão com a equipa principalmente nas horas difíceis. Bater em quem está no chão é facílimo. Ninguém entra em negação.

      A inexperiência foi a principal falha. E estes jogadores conhecem-se bem. O Bayern foi a espinha dorsal da Alenha neste Mundial, essa que espetou 7 golos ao Brasil.

      Se você aparece só nas horas de bater, você é que é um daqueles arautos da verdade do "Tribunal".

      Eliminar
    3. Caro Silva:

      Obrigado pelo seu comentario. Como nao apresenta nada que contrarie o que escrevi, resumindo-se a especular sobre o que eu esperava ou deixava de especular, posso presumir que me da razao.

      Também se conclui que para o Silva basta obrigar o Bayern a ter de virar um resultado. A partir dai, qualquer tipo de sodomia desportiva, ate por convite próprio se justifica e aceita.

      Eu acho que podíamos e devíamos ter feito melhor. Não fizemos por 1) termos um adversário superior, 2) incompetência técnica do treinador. O Silva, enquanto esfrega o traseiro dorido, alegra-se com a primeira mão. Vai-me desculpar, é o tipo de vitoria moral que estou acostumado a ver mais a Sul...

      Eliminar
    4. André,
      Antes de mais, agradecer-lhe a preocupação com o meu traseiro. É simpático da sua parte. De resto, como contrariar o facto de termos perdido 6-1? É que perdemos mesmo. E como contrariar o facto de termos ganho 3-1? É que ganhámos mesmo. Quanto ao resto do seu comentário, é de uma pobreza tão grande que não chega a merecer contraditório. O que escreve o simpático André? Perdemos porque jogou o Reyes. Ora batatas, se é isso que lhe parece, pois seja muito feliz. Hodor!

      Eliminar
    5. O problema de muito pessoal portista é perder o "norte" muito rapidamente e passarem do 8 ao 80 num espirro. O resultado é pesado? Claro que é. Podiamos ter feito melhor na primeira parte? Duvido muito, mesmo com Danilo e Alex Sandro. Leio comentários que me fazem pensar que alguns adeptos não estavam bem cientes da equipa que o FCP ia defrontar.Isto não é FM. O GRANDE objectivo do Bayern é esta Liga dos Campeões, que ninguém tenha a mínima duvida em relação ao mesmo e a provar isso, todos os acontecimentos pós derrota no Dragão. Tenho a certeza que TODOS foram "apertados" pela Direcção bávara, desde o treinador ao massagista. Ontem entraram para resolver o problema que tinham criado com a derrota no Dragao. Fizeram no com uma rotação a que o FCP nao teve, nem provavelmente terá tão cedo, argumentos para contrariar.É um nivel acima do nosso e isso não é vergonha nenhuma. Podem dizer que os "orçamentos" não são desculpa. A esses apenas peço que me mostrem uma equipa com um orçamento do FCP que tenha chegado a uma meia final da Liga dos Campeões nestes últimos tempos? 400 milhões são 400 milhões, meus amigos. São 4 vezes mais dinheiro para investir em jogadores e salários. É uma equipa que pode gastar o orçamento total do FCP num único jogador se tal for necessário. Claro que vão dizer que o FCP do Mourinho conseguiu ser campeão com um orçamento baixo. Pois, mas convém não esquecer que aos 86 minutos estávamos fora da eliminatória. Uma noite como aquela, onde tudo se encaixa perfeitamente, acontece muito raramente. De resto, já sabemos o que a casa gasta em relação a certos adeptos portistas.

      Eliminar
  11. P.S: Tambem acho piada a essa teoria da "equipa em crescrimento", como se este plantel fosse para fazer evoluir nas próximas temporadas...

    Vejamos: Jackson, Danilo, Casemiro (emprestado), Oliver (emprestado), Tello (emprestado) estão na provável calha da saída. Mesmo que os seus clubes de origem não os queiram, pretendem coloca-los no mercado. So nisto vai METADE da equipa titular. Também se fala na possibilidade de saída de Alex Sandro. Se isto não chega, ajuntem-lhe o ultimo relatório de contas e vão perceber o quanto andam enganados.

    E assim la se vai a teoria do projeto para o brejo. Este plantel foi construido para ter resultados imediatos, mas apostando-se paralelamente na propaganda da construção. Assim, a não obtenção de qualquer resultado desportivo não teria consequências pré-definidas, dando margem de manobra a direção.

    Pela minha parte, o assunto é claro: não ganhar nada representará um falhanço e desperdício totais nas pretensões iniciais para esta temporada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na verdade, eu acho é que o carissimo não percebeu nadinha do projeto. Oh well, fique atento, pode ser que o vá compreendendo on the go...

      Eliminar
    2. O Tello deverá ser comprado. Olhe, por exemplo, graças ao dinheiro da Champions. E não há nenhum clube que tanto venda e se reconstrua como nós - dito pelo próprio Guardiola.

      Onde estão os seus comentários quando a equipa está bem?

      Eliminar
    3. Caro Jorge:

      A sua visao e tola. O que o senhor acha sobre o meu dever de comentar quando a equipa esta bem nao rebate qualquer dos argumentos que apresentei. Isso e desviar os factos que apresentei (tecnicos, tacticos, de gestao) para o lado pessoal e a sua visao moral das coisas. Nao vou entrar em trocas de perdigotos. Se o senhor ou outros quiserem rebater o que apresentei com dados, respondo, caso contrario nao vou estar em conversas de taxi.

      Quanto ao Tello, logo veremos. Temos direito de opcao, vamos ver quanto quer o Barcelona e se ha outros clubes interessados inflacionando o valor. Portanto, existe uma intencao, segundo o Jorge, mas nao ha nada assegurando em relacao a nenhum dos jogadores que mencionei - antes pelo contrario. O Atletico quer vender Oliver e o Real Madrid pretende reaver Casemiro. Logo ai ficamos sem meio-campo.

      Eliminar
    4. E assim começa o disparate. Eu não acho que é seu "dever" coisa nenhuma. E o facto do senhor me achar "tolo" também não o faz. Mas digo-lhe, quem só aponta desgraças, tem sempre razão, um dia uma ha-de calhar. Especialmente quando só se fala quando elas acontecem.

      O FC Porto sempre teve como matriz, no consulado Pinto da Costa, a compra e venda de jogadores. A saída de jogadores nunca foi descompensada, excepção feita à época anterior, por total incapacidade de Fonseca.

      O que perdermos, recuperaremos. Se você acha que apoiar o clube e o seu trabalho - e ter uma opinião baseada no percurso e não num jogo - é tolice, está no seu direito.

      Eliminar
    5. André Pinto estás a falar de quê mesmo no nosso R&C?
      Quantos aos emprestados, não te preocupes assim tanto porque sempre perdemos jogadores e nos saimos muito bem. Aliás não vivêssemos neste país de merd@ não teriamos a necessidade de fazer isso todos os anos. Está-me a parecer que é um auro da desgraça lixado. Vamos ficar sem meio campo porquê? Não andamos já a comprar jogadores? E que sabe do futuro dos jogadores que cá estão emprestados?

      Eliminar
    6. Em resumo: se o André diz (equipa pó galheiro, tudo vendido), é um facto! Se o Jorge diz (comprar o Tello.), é uma intenção. Também está muito bem assim, sim senhor.
      E creio que isto diz tudo dos supostos factos que supostamente apresenta nesse seu espasmo de suposta liberdade de expressão. E no fim do dia, apareceu muito menos do que esperava durante este ano, não foi André? Ora seja bem-vindo. Abraços portistas.

      Eliminar
    7. Caro Silva, o senhor treslê, ou lê aquilo que quer. Eu disse que estavam "na calha para sairem", nunca disse tudo para o galheiro. No seu entupimento mental, o caríssimo é que já nem lê antes de desfilar os seus disparates. E dificilmente pode argumentar que existe um projecto quando tem mais de metade dos titulares nessa situação. E mais uma vez não apresentou qualquer argumento alternativo. Com o devido respeito, não estou para desperdiçar latim com cavalgaduras que nem se dão ao trabalho de lerem com atenção o que escreve quem estão a invectivar.

      Passe bem e votos de muita participação bovina, acrítica na vida de algum clube de futebol. No FCP temos tomates para falar abertamente dos nossos problemas, não precisamos de bonecos a baterem palmas mecanicamente, enquanto espumam frases-feitas. Tente um clube da Coreia do Norte, meu caro.

      Eliminar
    8. Vou deixar claro André, que qualquer próximo comentário seu onde adjective um outro comentador neste espaço, não passará. `

      Tem direito à opinião, nunca ao insulto.

      Por muito que eu saiba que o Silva se defende bem.

      Eliminar
    9. André,
      Mas critique à vontade homem. E não se enerve tanto, capaz de lhe dar uma apoplexia. Tem é que fazer sentido, senão só lhe resta mesmo a espuma de não apresentar um único argumento que se veja. Será a sua costela Norte Coreana? O que temos do seu iluminado comentário? Que este não pode ser um projeto para as próximas épocas. Entendi bem, apesar das minhas limitações bovinas, certo? E porque não pode? porque mais de metade da equipa sairá. Aliás, reafirma isso ao mesmo tempo que defende que não o afirma. Mas sai ou não sai? Sai! Ao mesmo tempo que pode muito bem não sair. Perante isto, não há argumento alternativo meu caro. Você tratou de esgotar as alternativas todas. Está mal porque sim, mas também. Vou, naturalmente, ignorar a dimensão dos tomates necessários para falar abertamente dos nossos problemas, e só deles, deixando de lado qualquer virtude.
      Mais saudações mecanicamente portistas.
      PS: obrigado por me ter dado a honra de partilhar do seu latim cavalar. Foi, de novo, muita simpatia sua.

      Eliminar
  12. Caramba o meu Portinho perdeu,obvio que fiquei triste mais triste ainda porque pensei que fossemos jogar com mais atitude e garra.Acho que o nossa equipa se encolheu,nao sei se pelas opcoes tecnicas ou se ficou intimidada com o ambiente.Nao vou criticar os jogadores porque se sabe que eles queriam ganhar assim como todos nos.nao passamos paciencia no proximo ano teremos mais.Por outro lado criar uma equipa em pouco tempo,jogar o playoff,passar sempre sem perder e no unico jogo que se perde e com uma equipa bem mais experiente do que a nossa,e de louvar como conseguiu fazer de 1 plantel uma equipa.Tenho confianca no futuro e em termo de comparacao;Lopetegui fez em 1 ano o que JJ nao fez em 6.Abraco a todos na vitoria e na derrota,Forca FCP..LUCAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Subscrevo.

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar

  13. @ Jorge

    presentes em todos os momentos. todos. esse é o espírito certo.

    @ imbicto

    gostei muito de te ler sem ser em verso. peço-te que o faças mais vezes, pois lucraremos todos com isso. é tão-somente a minha opinião.

    @ Silva

    obviamente que se espera que seja o 5lb a pagar a factura deste jogo péssimo. eu também sou desse tempo. acho que quem gere o Clube também.

    @ sr Fernando Pinto

    sei que ainda não comentou. mas, para lá do abr@ço que lhe envio, peço-lhe o favor de explicar aos "andrés" como se sobrevive a uma seca de d-e-z-a-n-o-v-e anos.

    abr@ços a todos
    Miguel | Tomo III

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande Miguel, obrigado pelo teu Portismo de todas as horas.

      Abraçom

      Eliminar
  14. Caro Jorge,
    Acabou o sonho europeu. Disse várias vezes que o FC Porto não tinha nada a perder, que o favorito era o Bayern e por isso, se o FC Porto fosse eliminado
    era-o pelo favorito, se eliminasse fazia história. Mesmo tendo a consciência de que a segunda mão seria difícil, a exibição e a vitória da semana passada
    fez-nos sonhar e acreditar que seria possível passar. E realmente era. Mas sabia-se que no jogo de hoje o Bayern não ia desistir e que ia entrar contudo
    à procura de marcar e desfazer a vantagem portista. Foi o que se passou. Se na semana passada todos elogiamos a pressão intensa por parte do FC Porto que
    obrigou os alemães a errar, hoje sofremos exatamente a mesma preção que resultou em erros da defesa portista e pior, em golos. O Bayern só precisou de
    45 minutos para desfazer a vantagem portista. No segundo tempo Jackson ainda marcou, mas já nada havia a fazer. Agora é fácil perguntar: e se Lopetegui
    tivesse optado logo por Ricardo? E se Quaresma não tivesse saído ao intervalo? E se tivessem procurado aproximar-se mais da baliza desde o início do segundo
    tempo? Será que as coisas tinham sido diferentes? Não vale a pena agora colocarmos os ses na mesa, Lopetegui colocou em campo aqueles que julgou que seriam
    as melhores apostas. Não resultou, paciência. Não adianta nada agora chorar sobre o leite derramado. Não há nada a fazer. O Bayern é o favorito à vitória
    na prova e a missão do FC Porto era difícil, todos nós o sabíamos.
    Não, a derrota de hoje não apaga a vitória e a exibição que o FC Porto fez no estádio do Dragão. Não, nada nem ninguém apagará o facto do Bayern ter se
    vergado a uma equipa portuguesa.



    Cumprimentos

    Ana Andrade

    www.portistaacemporcento.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bravo Ana.

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
  15. FCP SEMPRE
    FCP ORGULHO
    LOPETEGUI É O MEU TREINADOR
    DOMINGO ATÉ OS COMEMOS(A TODOS-BENFAS E PSEUDO-PORTISTAS QUE QUEREM QUE O NGC PERCA POR CAUSA DO NOSSO TREINADOR).
    DOMINGO PASSAMOS PARA 1º-MAIS NADA
    CUMP.

    RUIFCPESPAÇOK

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Rui, é assim mesmo!

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo

      Eliminar
  16. Karl-Heinz Rummenigge, logo no fim do jogo do Dragão, antes do jantar, tratou de puxar as "orelhas" aos milionários jogadores e técnicos do Bayern. Exigiu, atitude, raça e empenho de todos, mas mesmo todos, técnico incluído.
    Pelo contrário, nós, recebemos mensagens no telemóvel e nas redes sociais, para irmos ao aeroporto recebermos os nossos heróis, que acabaram de ter a maior humilhação da história do clube!
    Jorge Vassalo, sei que vou contra a corrente, mas não alinho na hipocrisia reinante. Venerar a mediocridade já não é paixão, é circo. Rapidamente nos transformamos nos lampiões e lagartos que tanto criticávamos.
    Não posso estar mais de acordo com o André. O Jorge diz que é fácil bater depois de um mau jogo. Jorge, esta vergonha já se passou com o Sporting no Dragão, com o Benfica no Dragão, com o Marítimo, com o Nacional.... não é um jogo, é uma normalidade. Já leu a La Gazzetta dello Sport? Escrevem que o Bayern esteve a jogar com uma equipa no mínimo de 2 divisões inferior. Já se deu conta que o prestígio e o respeito que conquistamos ao longo de vários anos ruiu completamente com este enxovalho? Aceito que a sua dor seja tal qual a minha e que aqui tente juntar os cacos, desta desgraça para nos apresentarmos em Carnide com um mínimo de dignidade. O que me faz urticária, são os tais "bajuladores" profissionais virem criticar o nosso consócio André, porque coloca o dedo na ferida e aponta factos que nos estão a fazer resvalar para as catacumbas dos lampiões. Não é o seu caso evidentemente,mas todos sabemos que se ganha dinheiro com a paixão pelo clube com os blogs, com o conseguir a cunha para determinado "emprego", com a venda de material alusivo, com os bilhetes, etc., mas dizerem que só "eles" é que são portistas e quem não se sente "orgulhoso" não o é?!?
    A exigência e o "tribunal" já foram aqui muito escalpelizados. Se nos deixarmos contagiar pela mediocridade e todos, mas todos mesmo, não exigirmos mais, não tenha dúvidas que voltaremos ao tempo em que estaremos 19 anos sem nada ganhar.
    Abraço
    Miguel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Caso houvesse um resultado assim tão desnivelado os jogadores iriam à Luz com vergonha na cara para conquistar os pontos que estão em jogo" JORGE COSTA
      É disto que falo, Jorge Vassalo.
      Miguel

      Eliminar
    2. Caro Miguel,
      De acordo, festejar derrotas é um disparate. Mas continuo a não perceber porque é que esta derrota nos dá cabo do prestigio, que dá!, e a vitória de há uma semana não fez nada por ele... É um mistério! Sobretudo para quem há menos de um ano, nos 1/4 de final da LIGA EUROPA, levou 4 em Sevilha. Em Sevilha, não foi em Munique! Raisparta! E já agora, porque é que quem discorda dessa visão catastrofista é "bajulador"? Olhe, eu cá discordo e não estou a bajular ninguém.
      E a citação do Jorge Costa é suposto significar o quê? Que os jogadores não querem ganhar na Luz?

      Eliminar
    3. Ainda bem que o Miguel sabe que não ganho dinheiro nenhum com o FC Porto. Só perco, e algum, até.

      Também, insisto, não sou bajulador. Veja por favor as minhas análises às derrotas da Madeira, por exemplo.

      Já na Champions, não somos muito bons na quarta e uns palermas na terça.

      E eu acho que o trabalho de Lopetegui tem sido meritório, e vai no início.

      Abraço e obrigado pelo seu Portismo.

      Eliminar
    4. Claro que sei.
      Bajuladores são os que lhe dão palmadinhas nas costas e abanam com a cabeça a tudo. Nunca disse que era desses. Acredita que Lopetegui é um formador, com um projecto a longo prazo e que os jogadores ainda não assimilaram os seus processos. Eu tenho muitas reservas a essa sua opinião.
      Na quarta-feira fomos maus em 25 minutos e muito bons, principalmente na 2ª parte. Ontem fomos péssimos,sem rumo técnico, táctico, ou raça portista.

      Gostava de ter a sua opinião sobre o trabalho de Lopetegui, mas não tenho. E temo que não haja qualquer evolução do estado em que nos encontramos.
      Retribuo o abraço e o Portismo não se agradece, SINTA-O à sua maneira e não à minha ou de qualquer outro.
      Miguel

      Eliminar
  17. Sr.Miguel esta tudo muito bem,mas se eles jogaram contra uma equipa 2 divisoes inferiores(recordo que o resultado ficou 7-4),como classificar o Sporting que perdeu 12-1 contra o Bayern,ou o proprio Barcelona em 2012 que perdeu por 7-0 nas 2 maos?(0-3 e 4-0)?
    FCPSEMPRE
    RUIFCPESPAÇOK

    ResponderEliminar
  18. Rui, o Sporting é mesmo de 2 divisões inferior.
    Acha o Rui que os catalães se sentiram orgulhosos de levarem 4+3 e que escreveram isso ou foram ao aeroporto venerar a equipa? Não acha que trataram rapidamente de analisarem o que esteve mal e procuraram rectificar?
    Miguel

    ResponderEliminar
  19. "Por muito que não queiram, sei que muitos de vocês não querem, esta equipa vai erguer-se. Vai erguer-se, podem acreditar. No futebol o 'rewind' não funciona, o Bayern de Munique é uma equipa fortíssima".

    Julen Lopetegui
    (fonte: ojogo)

    ps:
    curioso como já se vaticinam resultados de um jogo que ainda não ocorreu, numa altura em que a União deveria ser o mais importante

    abr@ço
    Miguel | Tomo III
    (um blog despretencioso e que não visa quaisquer cunhas, nem rodriguinhos)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Toda a educação assenta nestes dois princípios: primeiro repelir o assalto fogoso das crianças ignorantes à verdade e depois iniciar as crianças humilhadas na mentira, de modo insensível e progressivo.
      Miguel

      Eliminar
  20. @ Miguel Lima

    Terei isso em conta!
    Hoje, melhor...
    Depois do pior
    A nós nada amedronta.

    O meu/ vosso Imbicto espaço estará sempre aberto a sugestões.
    Sei que, por vezes, o verso não é de fácil ou democrático entendimento, com mea culpa de quem não está, nem pode estar, sempre, no seu melhor, por entre os espaços do dia que sobram para manter o blogue activo. Puxarei pela cabeça a ver se desencanto qualquer coisa diferente, mantendo o conceito...

    Hoje, fiquei feliz. A raiva d'ontem vai diluindo... Aquele apoio que demos no aeroporto explica o sentido de estar lá incondicionalmente, sem fazer da derrota uma mísera e lampiónica vitória moral de segundas divisões uefeiras perdidas.
    Marcámos, como nenhum outro o fez, lá. E por pouco que o segundo golo sebastiónico não deu para transformar a amnésia do primeiro jogo em abanico germânico-tuga.
    Para o ano há mais!

    Um abraço!
    Somos Porto!

    Http://imbictopoema.wordpress.com

    ResponderEliminar

  21. «
    O que me faz urticária, são os tais"bajuladores" profissionais virem criticar o nosso consócio André, porque coloca o dedo na ferida e aponta factos que nos estão a fazer resvalar para as catacumbas dos lampiões. Não é o seu caso evidentemente.
    »

    1)
    quem são esses «bajuladores profissionais»?

    dê a cara e aponte os seus nomes. mas deles todos, sem excepção.

    2)
    que provas possui do seu «profissionalismo»? mas têm que ser provas concretas, nada de dados baseados em factos supostamente vistos por intermédia pessoa.

    «
    mas todos sabemos que se ganha dinheiro com a paixão pelo clube com os blogs, com o conseguir a cunha para determinado"emprego", com a venda de material alusivo, com os bilhetes, etc., mas dizerem que só "eles" é que são portistas e quem não se sente "orgulhoso" não o é?!?
    »

    3)
    eu não sei como «se ganha dinheiro» com esta carolice. pode fazer a gentileza de me explicar? as finanças, lá em casa, desde já agradecem.

    4)
    eu nunca afirmei que o meu portismo é maior do que o seu. já o sr não o pode afirmar, pois até a antiguidade serviu como arma de arremesso...

    Miguel | Tomo III

    ResponderEliminar

  22. «
    Toda a educação assenta nestes dois princípios: primeiro repelir o assalto fogoso das crianças ignorantes à verdade e depois iniciar as crianças humilhadas na mentira, de modo insensível e progressivo.
    »

    eu não sei onde estudou, quem o ensinou e por que cartilha aprendeu.
    a Educação que eu recebi ensinou-me a respeitar a opinião do Outro e a rebatê-la de acordo com as regras da Civilidade. e a apresentar alternativas às críticas.

    portanto e se bem depreendo, está desgostoso com este estado da Nação. teme um regresso aos 19 anos de seca. olhe, nem de propósito. vão haver eleições em breve, no clube. junte uns amigos da má-língua, forme uma lista, apresente um projecto alternativo e sujeite-se ao escrutínio universal da Democracia.
    será muito mau se não o fizer, pois perderá uma oportunidade única. a próxima só em 2020.

    Miguel | Tomo III

    ResponderEliminar
  23. 1 - Cada cabeça tem o seu carapuço. O meu, hoje não me serve porque não estou com um melão, mas com uma abóbora e do Entroncamento.

    2 - Pretende que identifique quem tem determinados comportamentos, para em cáfila, manada ou vara, fazer a perseguição à moda de Palermo? Os mesmos neurónios que vislumbraram a sua medida, facilmente encontrará os outros.

    3 - Não sou dos funcionários do fisco que têm acesso à lista dos notáveis, mas facilmente encontrará aqueles que no tempo do Paulo Fonseca diziam que a culpa era do Alexandre.

    4 - Likes, anuncios, publicidade, fazer passar um boato favorável a uma facção, empresário, etc

    5 - Eu só sei que o meu é desde que me conheço e já lá vão umas décadas o dos outros não espreito o tamanho

    Miguel

    ResponderEliminar

  24. mas que direito tem o sr Miguel para afirmar:
    «
    2 - Pretende que identifique quem tem determinados comportamentos, para emcáfila, manada ou vara, fazer a perseguição à moda de Palermo? Os mesmos neurónios que vislumbraram a sua medida, facilmente encontrará os outros.
    »

    mas conhece-me de algum lado? certamente que não foi na mesma escola

    encerro este diálogo de surdos afirmando, com as letras todas, que o carácter do sr Miguel vale tanto ou menos do que o golo solitário do Jackson, ontem.
    o sr tece considerandos sobre pessoas que não conhece, tendo por base o absoluto Nada.

    por mim, a credibilidade do sr Miguel chegou ao final, tal como o respeito que tinha por si - obviamente que já era igualmente pouco.

    passar bem e saúde para a abóbora. que o sr deva ser do Entroncamento, disso não duvido.

    sou quem sabes

    ResponderEliminar
  25. Sinceramente não entendo o porquê de aparecerem por aqui individuos que se identificam como adeptos do FCP a comportarem-se como "Trolls" desrespeitando outros adeptos do FCP.

    Até porque, e apesar de terem ideias bastante válidas, perdem uma bela oportunidade de as transmitir.

    Tudo bem que como adeptos do clube que acaba de ser aniquilado em meia hora de jogo estejamos TODOS com uma grande cabeçorra, mas daí a partir para o insulto...

    Quanto ao jogo e às suas repercussões é ÓBVIO que vão ser analisadas, estudadas e discutidas pelos técnicos e jogadores.

    Também me parece óbvio que houve um erro de juízo ao virar as costas à ideia de ter 2 jogadores de raíz para cada posição - especialmente quando se empresta um dos laterais contratados (Oparé) e não se inscreve o outro (Angel) na prova europeia.

    Agora dizer que no fim da época o projecto vai afundar-se parece-me uma extrapolação tão desnecessária quanto injusta. Claro que vamos perder Jackson, Danilo e os emprestados Casemiro e Óliver. Tello tem mais um ano de Porto (a menos que nos paguem bem para abdicar dele).

    Quanto a outras potenciais saídas penso que será mais novelas do que realidade. Sim claro que é possível que alguém aposte em Alex Sandro ou em Brahimi, mas com as contas mais equilibradas, estes apenas saem por valores bastante elevados. E se saírem, confio no treinador e na direcção para encontrar novas "peças" para a "máquina", seja dentro da própria oficina, seja noutras ofícinas. Lembro o caso de Clasie. Porque não houve Clasie, houve Rubén Neves.

    Para o ano cá estaremos de novo e continuaremos a estar. O segredo não é apenas a auto-flagelação, mas sim aprender com o erros e fazer melhor da próxima vez.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Contas mais equilibradas? Meu amigo, as contas de adição e de subtração são muito fáceis de fazer e basta ler os r&c para verificar que o que afirma não é verdade. Diria que é mesmo mentira! Sabe quanto jogadores o FCP tem de vender para além do Danilo, Jackson e Alex para satisfazer as dívidas de curto prazo? Basta saber adicionar e subtrair. E por aqui me fico.

      Eliminar
    2. Antes de mais gosto do Nick. Bastante original.

      No que toca à questão de dinheiros não vou mais além de manter a minha posição: disse contas MAIS equilibradas, não disse que estamos "no preto". Se minto é por desconhecimento.

      Se o meu amigo acha que estamos piores do estaríamos sem chegar onde chegamos e se acha que é a vender tudo o que mexe que vamos ter melhor equipa ou mais chances de equilibrar mais e melhor as contas então quer-me parecer que não tem acompanhado a obra de Pinto da Costa, nem está familiarizado com a história de Brian Clough, apenas para dar dois exemplos distintos de gestores de clube que preferem ganhar troféus a ter orçamentos de saldo positivo.

      Mais a mais, quem tem de aprovar o R&C já o aprovou, de certeza com a confiança de quem para o ano (e para os muitos que se seguirão) ainda terá uma equipa para dignificar o nome do clube em todas as provas em que participa.

      Eliminar