segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Zangam-se As Comadres, Sabem-se As Verdades


Antes de mais, quero dizer que vou fazer a antevisão do jogo da Champions amanhã, uma vez que só vou poder escrever a análise do jogo na quarta-feira.

Não podia no entanto deixar passar em claro a coisa extraordinária que aconteceu no Play-Off de ontem. A páginas tantas do programa, Inácio, a propósito da vergonha do caso dos vouchers, faz finalmente (alguém que o faça, porque nenhum dos "nossos" o fez) a ligação de causa-efeito entre a origem - desde o início da Eusébio Cup até ao dia corrente - dessa "oferta" e a sua Liga Real, demonstrando aquilo que já sabíamos: o FC Porto foi roubado de um campeonato. É óbvio que este estilo de coisa faz pender o tonus para o lado do benfica.

É um absurdo que se tente dizer que não é "por um jantar que lá vão", como fez Cláudia Lopes no Campeonato Nacional. Já agora, o que faz uma moderadora a confrontar um representativo - neste caso representante - de um clube a a dar opiniões?

Não é um jantar, são quatro. E não é a um árbitro. É a todos, mais observador e delegados. Um verdadeiro festival. Como diz, e bem, Rodolfo Reis, poderão não ser corrompidos - e eu acrescento activamente - mas inclinados a quem os trata bem, certamente. E assim também se influencia.

Mas, voltando atrás, apesar do nosso amigo Rui ter baixado violentamente o volume de voz ao dizer que, na Liga Real, o FC Porto ganharia destacado o campeonato. Foi assim a liga #colinho. E isso deixou Simões em fúria, por ter sido desmascarada uma parte da forma como isto foi tudo cozinhado. Depois, claro, pegou-se com o Rui Santos porque este disse que esta história dos vouchers não é nada normal. E não é. Simões acha que o silêncio do benfica é absolutamente normal.

Vai daí, Rui Santos dá uma de revolucionário e diz que a ele ninguém o cala e que é isento, numa clara alusão a Diamantino o ter exposto como sportinguista. Bem, portista é que ele não é. Mas esse não é o objectivo deste post.

Vamos para a 20ª vitória em casa. Estamos a jogar bem. Mas eu sublinho: convido-os a ver o quanto fomos roubados no ano passado. E agora, pergunto: Lopetegui é mau? Porque não ganhou nenhum título? Qual nos seria permitido? 

Vamos agora tendo, para já, um aliado improvável: o sporting. Mas é assustadora a forma como a nós nos passou tudo isto ao lado. Mas peguemos neste exemplo e não nos calemos mais. Até porque jogaremos com o sporting. E os canhões virar-se-ão para nós. Está na hora de sermos fortes. E, já agora, de aproveitarmos o resultado do derby de domingo, seja ele qual for. Para que depois tudo isto seja fait-divers. Demonstremos no campo que somos maiores que tudo isto.

17 comentários:


  1. «
    Mas é assustadora a forma como a nós nos passou tudo isto ao lado.
    »

    pois eu acho que não passou. e que, tal como todo o nosso ensurdecedor silêncio, na época passada, tem uma explicação nos processos 'pito dourado e 'pito final.
    hás-de reparar que, desde aqueles processos, que não mais houve uma declaração explosiva da nossa parte - o que se lastima, pois houve muitas vezes - demasiadas, até! - em que era necessário um murro na mesa, um ponto de ordem na carneirada do jornalixo tuga...

    abr@ço
    Miguel | Tomo III

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se uma coisa isto prova é que não temos nada a temer...

      Abraçom

      Eliminar
  2. Jorge,
    acho que te esqueces de uma coisa.
    Se o FCP adotasse, nem que fosse 10% desta atitude guerreiro-badalhoca do Sporting, era trucidado pelo centralismo mafioso.
    A almofada de conforto que o Sporting (ainda) tem não nos é dada a nós pela comunicação Lisbonense.
    Apesar de tudo, o clube dos viscondes ainda se consegue movimentar em (alguma) comunicação social, benesse de que não dispomos, neste centralista país à beira-mar plantado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E pronto, é isso tudo Ribeiro. O Not Sporting é mesmo de...Lisbon, queira ou não queira. E isso faz toda a diferença.
      Quanto ao mais, nada de aliados do calibre do Bruninho. Credo!
      Abraço.

      Eliminar
    2. Subscrevo os amigos, mas desejo um clube sem medo, ó faixabore.

      Abraços

      Eliminar
    3. Mesmo esses têm telhados de vidro. Não podemos esquecer o que o Pereira Cristóvão fez e caso seja condenado o clube também terá de o ser. Ou há dois pesos e duas medidas para cada clube.

      Abraço
      Miguel S

      Eliminar
    4. Miguel, acho que vamos ver em Janeiro... :)

      Abraço

      Eliminar
  3. Mesmo com roubos, o Porto de Lopetegui estevem bem

    agora sem roubos, so pode ser melhor ainda com aquele futebol que ja nos habituamos
    acredito num 2-0 amanha, Abou e Brahimi

    temos que limpar tudo este ano (no campo)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Champions... tenho as minhas dúvidas... :)

      Abraço

      Eliminar
  4. Como podemos lutar contra o que vem da capital, se não estamos unidos. Ainda hoje li algures num fórum portista um post, mais um, a "atacar" o Lopetegui e classifica-lo como um perdedor. Irritam-me tanto, mas tanto, estes "portistas". Claro que o homem não está a salvo de criticas, mas estas fazem-se no fim. Agora temos de remar todos para o mesmo lado. Não podemos combater os inimigos externos, e ainda inventar inimigos internos.

    Mais uma vez, para que não se esqueçam, foi o Lopetegui que salvou a SAD das garras do fair play financeira da UEFA. Directamente pela brilhante prestação na Champions e indirectamente, pela valorização que essa prestação, deu aos nossos jogadores. E não, não foi á custa do campeonato. Esse foi perdido por razões que a própria razão reconhece...

    Só existe um caminho: é continuar a ganhar. Para o jornalixo, e alguns "portistas", continuarem a engolir , não uns jantares no Museu da Cerveja, mas uns valentes sapos.

    Um abraço e desculpe o desabafo.

    ResponderEliminar
  5. Pode afirmar-se que o pito dourado é vermelho, pelo menos, desde o famoso campeonato dos túneis que resultou na suspensão de jogadores do FCP e do braga. Desse mesmo campeonato ficaram na retina as famosas expulsões e os jogos contra 10 dos suspeitos do costume. Fomos campeões pela última vez há 3 épocas, o designado campeonato Capela com aquela inesquecível capelada ao sporting protagonizada pelos suspeitos do costume. Que não haja duvidas, se não tivéssemos sido roubados e os outros sido levados ao colo teríamos sido justamente campeões na 1ª época de Lopetegui, o tal que acusam de não ter mãos para o Ferrari!!! Ele até tem, mas como é óbvio não sabia que a pista estaria cheia de óleo à sua passagem. As evidências são muitas e claras, o pito é bem encornado!!! É a manutenção do sorteio, a não demissão do cardeal cerejeira, a despromoção do Marco Ferreira, árbitro que apitou bem nas 2 derrotas dos encornados, a confiança absoluta da extrutura no sistema que prescinde do salvador jesus (de salvador não tem nada), são estas prendas na equipa A e B para árbitros, delegados da liga e observador. É nojento saber que estes indivíduos não esquecem ninguém e que a todos agradam. O sistema não funciona com pagamentos em money ou fruta, evolui para um modelo mais sofisticado, que se traduz por árbitros de primeira liga e árbitros internacionais, por este motivo há presentes para todos, que em rede se agradam uns aos outros. Quem ousar não alinhar no sistema desce para Marco Ferreira!!! :-) Ricardo Gomes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu fico parvo como pode haver quem ache tudo isto leal e honesto!

      Abraço

      Eliminar
  6. Caro Jorge Vassalo,
    Judite de Sousa entrevista Pedro Guerra na TVI!!!... Não vi nem vou ver, soube pelo blog de Dragão de Vila Pouca onde comentei o meu espanto e o meu nojo por este vale tudo. Nessa linha, lembro a parte do programa da SIC de Domingo [que vi] em que Rui Santos se dirige ao povo português em tom dramático, afirmando-se um profissional isento e lutador pela Verdade sendo logo seguido do beija mão do "nosso" Rodolfo, com os outros calados.. Boa sorte e bom jogo para mais logo. Abraço .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, pois foi. Uma vez mais Rodolfo Reis a encher-nos de orgulho... Ontem tive curiosidade em ver o Prolongamento. José de Pina é verde doente até ao osso, mas tenho consideração pelo seu trabalho humorístico. E a verdade é que chegou para a morsa. Quer dizer, nos 20 minutos que tive estômago para ver.

      A TVI devia mudar para TVB. ou TVS, de sistema. É incrível. Agora o ficaben faz o pleno.

      Eliminar